SEBRAE TIS

MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS

sbado, 14 de dezembro de 2019

Cotidiano

Há 2 anos sem reajuste, motoristas de ônibus pedem 13% para repor perdas salariais

Motoristas dizem que, caso saiam prejudicados na negociação, há chance de paralisação

Por: Mylena Rocha/Midiamax02/12/2019 às 07:47
ComentarCompartilhar
Foto: Minamar Júnior

Os motoristas de ônibus negociam reajuste salarial com o Consórcio Guaicurus nesta segunda-feira (2) em Campo Grande. Esta será a terceira rodada de negociações e acontece com a aproximação da data-base do reajuste da tarifa no transporte coletivo. A categoria não tem reajuste há dois anos.

A última reunião foi realizada no dia 27 de novembro, entre empresários e o STTCU (Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Coletivo Urbano de Campo Grande). Conforme a ata da negociação, o representante da Setur (Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de MS), João Resende Filho, afirmou que a prefeitura deveria acompanhar a discussão salarial porque causaria impacto na tarifa. Entretanto, os motoristas de ônibus não concordam com a vinculação de salários com a tarifa do transporte.

“Estão falando que o aumento de salário pode impactar na tarifa, mas não tem nada a ver. A nossa data-base era junho, mas mudaram para novembro, para que pudesse ser perto da negociação da tarifa”, opina um motorista de ônibus, que não quis se identificar.

A proposta das empresas de ônibus ficou em um reajuste de 2,55%, mas a categoria requer aumento de 13%. Além disso, os motoristas ainda pedem horas extras com 75% acima da hora normal, adicional noturno de 50% vale gás mensal e vale alimentação de R$ 170.

Os motoristas do transporte coletivo estão insatisfeitos com a propostas dos empresários e afirmam que há possibilidade de greve caso saiam prejudicados nas negociações. “Ultimamente, só estamos perdendo, o salário diminuindo e o benefício caindo. Não queremos que o transporte coletivo pare aqui em Campo Grande, mas se for necessário, temos que parar. Eles têm que ser impactados também”, diz um motorista.

A terceira rodada de negociações está marcada para esta segunda-feira (2), às 10 horas, no Sest Senat.

Deixe seu Comentário

TV MS

05 de dezembro de 2019
Sete bairros da Capital são beneficiados com entrega de UBS no Alves Pereira 

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 99150.1270
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma