REVIVA PMCG COMPET

MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS

sexta, 06 de dezembro de 2019

CÂMARA MUNICIPAL

Vereadores aprovam empréstimo de R$ 96 milhões; confira os projetos

Em sessão nessa terça-feira (3) vereadores aprovaram seis projetos

Por: REDAÇÃO*03/12/2019 às 16:50
ComentarCompartilhar
Foto: Divulgação

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande aprovaram seis projetos, mantiveram dois vetos e rejeitaram um veto na sessão ordinária desta terça-feira (03). 

Em regime de urgência, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei n° 9.548/19, do Executivo Municipal, que autoriza o Poder Executivo a realizar operação de crédito junto à união, por intermédio da Caixa Econômica Federal, na qualidade de agente financeiro, a oferecer garantias e dá providências. O empréstimo aprovado é no valor de R$ 96.141.296,96 (noventa e seis milhões, cento e quarenta e um mil e duzentos e noventa e seis reais e noventa e seis centavos), os quais serão destinados ao Programa Pró-Transporte no município de Campo Grande que beneficiarão as seguintes ruas de Campo Grande: Av. Cônsul Assaf Trad, Av. Coronel Antonino, Av. Mato Grosso, Rua Alegrete, Rua 25 de Dezembro, Rua Rui Barbosa, Av. Costa e Silva.

Em única discussão e votação, foi rejeitado o veto total ao projeto de lei n° 9.233/19, que dispõe sobre a obrigatoriedade das escolas da rede pública e privada de ensino ministrarem treinamento adequado ao corpo docente, aos funcionários e aos alunos, para simulações de evacuação em casos de incêndio. A proposta é de autoria dos vereadores William Maksoud, Delegado Wellington, Odilon de Oliveira e Betinho.

E foi mantido o veto total ao projeto de lei n° 9.341/19, que altera e acrescenta dispositivos da lei n. 5.534, de 25 de março de 2015, que dispõe sobre a implantação de “Bueiro Inteligente” como forma de prevenção às enchentes. O texto foi elaborado pelos vereadores André Salineiro, William Maksoud e Eduardo Romero. 

E, ainda, em Plenário, os vereadores transformaram o Veto Total do Executivo Municipal em Veto Parcial ao projeto de lei n° 9.345/19, onde mantiveram o Veto Parcial ao Art. 4 do parágrafo único, ao referido projeto, que altera e acrescenta dispositivos à lei n. 4.584, de 21 de dezembro de 2017, que dispõe sobre o Sistema Municipal de Transporte Coletivo de Campo Grande. A proposta é de autoria do vereador Prof. João Rocha.

Já em segunda discussão e votação, os vereadores aprovaram o projeto de lei nº 9.405/19, com uma emenda, de autoria dos vereadores Papy, Odilon de Oliveira e William Maksoud, que dispõe sobre a Política Municipal de Estímulo, Incentivo e Promoção ao Desenvolvimento de Startups.

E o projeto de lei nº 9.529/19, do vereador Gilmar da Cruz, que autoriza o Executivo Municipal a criar o Banco Municipal de Materiais e Equipamentos Ortopédicos no município de Campo Grande.

Já em primeira discussão e votação, os vereadores aprovaram o projeto de lei nº 9.391/19, também do Prof. João Rocha, que estabelece diretrizes para ações voltadas ao combate ao machismo e à promoção da valorização da mulher nas escolas municipais de Campo Grande.

Também, o projeto de lei nº 9.420/19, com duas emendas, do Prof. João Rocha, que institui o projeto educacional “Saber Direito” na escola, de formação humanitária, ética e cidadã dos alunos da Rede Municipal de Ensino do município de Campo Grande.

E, por fim, o projeto de lei nº 9.451/19, com uma emenda, que autoriza o Executivo Municipal a adotar o Programa de Prevenção às drogas “Esporte Sim, Drogas Não”. A proposta é de autoria dos vereadores Gilmar da Cruz, Odilon de Oliveira e Pr. Jeremias Flores.

*Texto de Dayane Parron, das assessoria da Câmara Municipal de Campo Grande.    

Deixe seu Comentário

TV MS

05 de dezembro de 2019
Sete bairros da Capital são beneficiados com entrega de UBS no Alves Pereira 

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 99150.1270
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma