Banner Cassems
sábado, 23 de fevereiro de 2019

"PARCERIA POLÍTICA"

Damares indica anti-feminista à Secretaria da Mulher

Sara Winter é mais uma a ganhar cargo político no governo Bolsonaro

Por: BRAZIL 24709/02/2019 às 11:03
ComentarCompartilhar
Candidata a deputada federal pelo DEM no Rio de Janeiro nas eleições do ano passadoCandidata a deputada federal pelo DEM no Rio de Janeiro nas eleições do ano passadoFoto: Reprodução/Bazil 247

A ativista anti-feminista Sara Winter deve ser nomeada Secretária Nacional da Mulher pela ministra da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves. A jovem de 26 anos se diz ex-feminista mas, ao se tornar evangélica, passou a se declarar contra o movimento por direitos das mulheres, contra o aborto e a homossexualidade.

Candidata a deputada federal pelo DEM no Rio de Janeiro nas eleições do ano passado, foi "curada" do feminismo em 2016, quando anunciou, em um vídeo ao lado do então deputado Jair Bolsonaro, que faria uma "parceria política" com ele.

Em seu site, diz que era contra o cristianismo, em favor da homossexualidade e do aborto, mas que após ter um filho em 2015, converteu-se. "Atualmente, é uma das maiores lideranças pró-vida e pró-família do Brasil, luta contra o aborto, a Ideologia de Gênero, as drogas, a doutrinação marxista, contra a jogatina e a prostituição", diz o texto, pedindo contribuições.

Deixe seu Comentário

TV MS

04 de novembro de 2018
Entrevista - Alessandra Maestrine e Mirna Rubim falam sobre o espetáculo 'O Som e a Sílaba'

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 3305.4739
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma