NOVA ALVORADA CONVÊNIO UNIGRAN

MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS

tera, 19 de novembro de 2019

PARANHOS

"Alemão" é executado com 50 tiros após a prisão de "Lico'í" na fronteira

Emanuel Diaz Ecker, o “Alemão” foi atingido por disparos calibres 40 e 9mm

Por: TERO QUEIROZ17/07/2019 às 11:16
ComentarCompartilhar
Marcas de tiros que ficaram na lataria da camioneteMarcas de tiros que ficaram na lataria da camioneteFoto: Reprodução/Direto das Ruas/CG News
TCE EAD

Apontado como sócio de Fredy Irala, o “Lico’í”, preso na quinta-feira (11), Emanuel Diaz Ecker, de 31 anos, o “Alemão”, foi executado com aproximadamente 50 tiros na noite de terça-feira (16), em Paranhos (MS), próximo à fronteira com o Paraguai.

De acordo com o site Porã News, “Alemão” foi assassinado dentro de sua caminhonete Toyota Hilux, enquanto seguia por uma ponte que liga os bairros Vila Nova e Novo Horizonte ll. Foi atingido por disparos de calibres 40 e 9mm. Os atiradores estavam em um segundo veículo, a vítima que morreu no local. Ninguém foi preso.   

Conforme a polícia, a execução de “Alemão”, pode ter envolvimento com negócios feitos entre ele a facção criminosa do Primeiro Comando Capital (PCC).

Os investigadores apontam o sócio “Lico’í”, como o mais importante fornecedor de maconha da facção criminosa PCC, ele foi preso na quinta-feira em uma fazenda a 7 km de Capitán Bado, cidade paraguaia vizinha de Coronel Sapucaia (MS). 

No cenário da execução de “Alemão”, Agentes da polícia técnica, isolaram a área e encaminharam o corpo ao Instituto de Medicina e Odontologia Legal (IMOL).

Deixe seu Comentário

TV MS

19 de novembro de 2019
Recapeamento na região do Imbirussu na Capital

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 99150.1270
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma