POSSE DE MAIS CONCURSADOS

MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS

domingo, 21 de julho de 2019

VIOLÊNCIA

Filho baleado pelo pai foge de hospital com medo de ser assassinado

Jovem fugiu com bala alojada no peito. Suspeito da tentativa está foragido

Por: TERO QUEIROZ*24/06/2019 às 11:28
ComentarCompartilhar
Suspeito está foragidoSuspeito está foragidoFoto: Reprodução/Direto das Ruas

O curioso caso de uma briga entre pai e filho, acabou com uma tentativa de homicídio em uma casa na Rua das Garças, na região central de Campo Grande. O pai,  Eder Lincoln Gonçalves da Cunha, de 55 anos, atirou no filho de 28 anos, após discussão, onde Eder era acusado de ter contraído dívida de R$ 2 milhões usando o nome do filho. O jovem foi baleado no sábado (22), foi socorrido e levado à Santa Casa e na manhã do domingo (23) o jovem fugiu do hospital com a bala alojada no peito. O pai está foragido o que fez o jovem temer pela vida estando no hospital.    

Em depoimento ao site Campo Grande News, a mãe da vítima, Alessandra Ferreira, 44 anos, disse que o pai usou o nome do filho desde que o mesmo completou 18 anos. Ela mora em São Paulo e o filho mora em Campo Grande somente com o pai, a casa onde vivem estaria em nome da vítima. O jovem que estudante de Arquitetura e Urbanismo estaria cobrando o pai para que ele assumisse a dívida, com isso, o suspeito teria começado a ameaçar o filho, que desenvolveu síndrome do pânico em decorrência das ameaças. Aproveitando-se disso, conforme a mãe, o autor dos disparos teria forjado um laudo médico e internado o filho a força em um clínica psiquiátrica. 

Alessandra contou ao site que veio de São Paulo à Campo Grande para tirar o filho da clínica, mas o médico não queria dar alta. “O Eder proibiu o médico de dar alta. Meu filho estava nervoso, alterado, mas não era motivo de internação”, revelou a mãe.  

Ao conseguir alta ao filho, Alessandra disse que Eder teria feito ameaças contra ela e filho. Alessandra então procurou a Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) e registrou boletim de ocorrência contra Eder.

Ao site Campo Grande News a mãe, disse que com o suspeito foragido desde a tentativa de homicídio, a família teme que ele retorne e tente matar a vítima. “Meu filho está totalmente abalado e perturbado. Eu também estou sendo ameaçada e vou buscar uma nova medida protetiva”, atenuou. 

Com medo de ser alvo dentro do hospital, nesta manhã o filho fugiu da Santa Casa, mesmo sem receber alta. Ele já não corria risco de vida pois estava na ala verde do hospital. No entanto, a bala ainda estava alojada em seu corpo, conforme noticiou o site Correio do Estado. 

MS Notícias tentou contato com assessoria de imprensa nesta manhã, mas não conseguiu resposta.  

O depoimento inicial do caso foi dado pela mãe, o caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) no Centro.

*Com informações do Campo Grande News e Correio do Estado 

Deixe seu Comentário

TV MS

11 de julho de 2019
Fábio Trad fala sobre indenização a Zeca e alerta MP-MS

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 99150.1270
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma