REFIS
TIC TAC
quinta, 20 de setembro de 2018

Anastácio e Miranda

Quase 1 tonelada de drogas apreendida é incinerada em ação conjunta de municípios

"912 quilos de drogas, entre elas maconha, cocaína e pasta base"

Por: Tero Queiroz17/04/2018 às 10:24
ComentarCompartilhar
Foto: Divulgação/Assessoria

Hoje, terça-feira (17), uma força-tarefa entre as delegacias de Anastácio e Miranda foi responsável por incinerar 912 quilos de drogas, entre elas maconha, cocaína e pasta base. A ação visa destruir os entorpecentes a fim de tirá-los de circulação do mercado negro.

De acordo com o delegado titular de Anastácio, Antônio Ribas Júnior, as drogas foram apreendidas em operações da Polícia Civil, Militar e, sobretudo, das apreensões da PRF nas rodovias que cortam o município. Por ser corredor de drogas da fronteira, a grande quantidade reflete o combate ostensivo ao tráfico na região.

“Pleiteamos a autorização do Judiciário que foi concedida para que pudéssemos tirar de circulação as drogas que estavam armazenadas há alguns meses. No caso de Anastácio, por ser uma região de grande fluxo de veículos vindos pela BR 419 e 262, o volume dos entorpecentes foi alto. A maconha veio de outras regiões do sul do estado, com destino a Goiás, Minas Gerais e também São Paulo, com entroncamento no nosso município”, explicou o delegado Ribas.

Já o delegado titular de Miranda, Leandro Costa, esclarece que a Polícia Civil agilizou a parte burocrática de incineração. “Essas apreensões são fruto de trabalho intenso nos últimos 6 meses no combate ao tráfico, realizado em sua maioria pela Polícia Rodoviária Federal. No ano passado, ocorreram muitas apreensões de cocaína e pasta base na BR 262. Apesar da pouca quantidade de droga em Miranda, ela é muito cara no mercado negro, por isso o objeto precisa ser destruído o mais rápido possível.”

Para o delegado regional Evandro Corredato, que também acompanhou a incineração de drogas na manhã de hoje, as ações ocorrem periodicamente, quando uma grande quantidade é acumulada nas unidades. “Procuramos destruir tudo para liberar o depósito, a custódia de drogas é um risco na delegacia. A nossa região possui as unidades que mais apreendem drogas no estado, resultado das operações nas rodovias realizadas pela PRF, além das rondas da PMMS e mandados de busca da Civil, com bocas de fumo desmanteladas da cidade”, avaliou. (Com O Pantaneiro)

Deixe seu Comentário
Grupo de Teatro em Campo Grande - MShttps://www.facebook.com/grupoteatralfaltaum/

TV MS

11 de setembro de 2018
Os Economistas das Eleições recebe José Márcio Camargo

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 3305.4739
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma