15 de agosto de 2020
Campo Grande 35º 22º

Centro Cultural encerra calendário com exposição “Orixás do Brasil”

Nesta quinta-feira será aberta a exposição “Orixás do Brasil” na Galeria Wega Nery, do Centro Cultural José Octávio Guizzo. A exposição é de Jonas Santana.

Através das formas simples e das poucas cores utilizadas, o espectador é conduzido pela leveza mostrada na representação dessas entidades místicas, representadas através de 12 infogravuras.

A partir de viagens do artista à Bahia, Jonas se interessou na temática dos orixás, surgindo também a oportunidade do contato e estudo do candomblé. A produção da exposição surgiu através de seus apetrechos, que são demonstrados em detalhes, semelhante a uma fotografia em close up, levando a uma aparente abstração, transformando os objetos em ícones.

Jonas Eduardo Santana é formado em Artes Visuais pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e pós-graduado em Artes Visuais pelo SENAC-MS. Já participou de outras exposições no Estado. Esta é a segunda vez que seu foco de estudos é a representação das divindades das religiões de matriz africana.

O objetivo das exposições no centro cultural é divulgar a produção artística contemporânea sul-mato-grossense e de outros estados, possibilitando visibilidade a artistas iniciantes ou consagrados.

A exposição “Orixás do Brasil” permanecerá aberta para visitação até 31 de janeiro de 2014.

 Tayná Biazus