15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Economia

Após morte de criança e acidentes com pets e adultos, esteira sai do mercado

A- A+
source
esteira peloton acidentes
Divulgação/Peloton
Empresa comunica recall de esteira após acidentes de usuários, pets e até morte de criança de 6 anos

A fabricante de aparelhos de ginástica Peloton , dos Estados Unidos, convocou um recall de suas esteiras ergométricas Tread+ e Tread, informou a empresa nesta quarta-feira (5). Os aparelhos serão retirados do mercado por terem causado acidentes de adultos, pets e até a morte de uma criança de 6 anos. Menos de um mês antes, a Peloton bateu de frente com a Comissão de Segurança de Produtos do Consumidor dos Estados Unidos e ignorou alerta de que as esteiras não eram seguras.

Segundo a comissão, foram 72 relatos de acidentes com adultos, crianças, animais de estimação e objetos sendo puxados para baixo da esteira. 29 crianças se envolveram em incidentes, incluindo o garoto de 6 anos que acabou morrendo.

Vendidos nos Estados Unidos entre novembro do ano passado e março deste ano, os produtos primeiro tiveram um aviso para que crianças não usassem, depois foi anunciada a retirada do mercado.

Em março foi registrada a morte do menino de 6 anos e, mesmo após o ocorrido, a empresa a princípio não deixou de vender as esteiras, se limitando a pedir que os usuários mantivessem os produtos e as chaves de segurança fora do alcance de crianças.

Você viu?

Em comunicado, foi emitido um "alerta urgente" para que os proprietários dessas esteiras deixassem de usá-las, mas e empresa desdenhou. A Peloton classificou o aviso como "impreciso e enganoso", defendendo que não havia razão para os usuários pararem de usar seus produtos.

Nesta quarta, John Foley , presidente-executivo da empresa, disse que "cometeu um erro" ao lutar contra o pedido para recolher as esteiras, e se desculpou por não ter se envolvido "de forma mais produtiva com elas desde o início".

"A decisão de retirar os dois produtos foi a coisa certa a fazer para os membros do Peloton e suas famílias", completou. As ações da empresa caíram 14,56% nesta quarta.

"Hoje tomamos medidas para evitar mais danos causados por esses dois produtos", disse Robert S. Adler, presidente em exercício da comissão reguladora dos EUA, em comunicado. Quem comprou as esteiras terá direito a reembolso total de US$ 4.295.

A esteira, de alto custo, é equipada com uma tela touch de 32 polegadas, que permite aos corredores treinar com a ajuda de instrutores.