15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Economia

Assassino e ex-goleiro Bruno vira day trader após se aposentar do futebol

A- A+
source
Goleiro Bruno vira day trader após se aposentar do futebol
Luciano Rocha
Goleiro Bruno vira day trader após se aposentar do futebol

O goleiro Bruno Fernandes, ou " Goleiro Bruno ", gravou uma live no seu perfil do Instagram anunciando sua aposentadoria do futebol . Ele também revelou em qual área escolheu atuar após pendurar as luvas: no day trade .

Em tom animado, o goleiro revelou que o futebol faz parte do seu passado e respondeu perguntas dos seus seguidores.

"Futebol é coisa do passado, ficou no passado. Aposentei a luva. Parei. Deu para mim! Tô aqui para mostrar a vocês a minha nova profissão", anunciou o agora ex-goleiro.

Operações de trade

Na live, Bruno aparece com algumas telas e gráficos de negociação abertos. Em uma delas é possível ver a negociação do par de moedas AUD/USD. Trata-se do par dólar australiano e dólar estadunidense.

Também é mostrada a plataforma na qual Bruno realiza suas operações, a IQ Option. Em abril, a Comissão de Valores Mobiliários reforçou que ela é proibida de atuar no Brasil.


O ex-goleiro também apresenta uma mulher no vídeo, a qual chama de "Ingrid Rais". Segundo ele, a mulher é a sua professora dentro da nova profissão.

Apesar da reputação de Bruno, a maioria dos comentários foi de apoio e desejo de sucesso ao ex-atleta. Muitos até pediram que ele não encerrasse a carreira, enquanto outros relatavam suas experiências com o day trade.

Da glória ao day trade

O goleiro Bruno foi ídolo do Flamengo e chegou a ser cotado para ir à Copa do Mundo de 2014. No entanto, ele foi condenado em 2013 pelo assassinato da modelo Eliza Samudio, ocorrido em 2010. A modelo estava grávida de um filho do ex-atleta.

A pena total foi de 22 anos e três meses de prisão, estipulada pela Justiça de Minas Gerais. Bruno cumpre sua pena desde julho de 2019.

O ex-goleiro chegou a jogar profissionalmente por alguns clubes menores. No entanto, suas passagens eram quase sempre envoltas em polêmicas. Seu último clube foi o Rio Branco Futebol Clube, no Acre, onde jogou em 2020.

"Infelizmente não consegui retornar ao futebol. Mas estou feliz de estar em casa, com a milha família, e trabalhando. É a melhor coisa que tem", disse Bruno.