12 de junho de 2021
Campo Grande 25º 14º

Dicas para esticar orçamento e gastar menos no final do ano

A- A+

Com o final do ano e as festas, o consumidor utiliza o 13º salário em compras e no pagamento de despesas. Para não gastar demais, deve-se ter planejamento financeiro, listando primeiramente todas as receitas do período, incluindo os ganhos extras, como 13º salário, bonificações e férias, como explica o site UOL.

Após a listagem deve-se enumerar as despesas fixas, como o aluguel, e as variáveis, como supermercado. Uma parte do dinheiro deve ser reservado para as despesas do mês de janeiro, como os impostos, e o restante pode ser utilizado com presentes e artigos das festas do fim de ano.

Prefira pagar tudo à vista, e evite a todo custo entrar no limite do cheque especial ou se endividar no cartão de crédito.

O ano de2015 deve ser um ano de ajustes na economia que podem afetar o bolso dos consumidores. Estão previstos aumentos em combustíveis, energia elétrica, transportes, água e IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano)

Dicas:

Comece pelo orçamento

Some todas as receitas (salário, 13º, férias, bônus) e diminua de todas as despesas fixas. O valor dos presentes não pode ser maior do que essa sobra (e ainda precisa ter uma reserva para as despesas de janeiro).

Não se endivide para presentear

Dê presentes que caibam no orçamento. É possível encontrar opções de presente em todas as faixas de preço. Respeite seu padrão de vida.

Prefira pagar à vista

Para comprar presentes mais caros, o ideal é poupar para comprar à vista. Quem faz isso consegue negociar descontos. A medida ajuda a evitar o endividamento, mas é preciso saber quanto pode gastar.

Cuidado com as parcelas

Não sendo possível evitar o parcelamento, certifique-se de que as parcelas caibam no orçamento. Lembre-se de que o acúmulo de prestações coloca em risco o planejamento financeiro e a capacidade de poupar.

Evite compras por impulso

Antes de consumir, pergunte-se se está comprando o produto por necessidade real ou só para suprir uma carência imediata. E se o valor está dentro das suas possibilidades.

Reserve parte do 13º salário

Não se esqueça de que janeiro é um mês de despesas pesadas. Além dos gastos do fim de ano, ainda tem IPVA, IPTU, material escolar. E estão previstos vários aumentos de preços para o próximo ano.

Economize na viagem

Atenção ao escolher a viagem de férias. Os preços dos pacotes são mais caros na alta temporada. Se não tiver se planejado para pagar, é melhor fazer uma viagem mais barata e dentro do orçamento. Para as viagens mais caras, poupe com antecedência.

 Tayná Biazus