22 de junho de 2021
Campo Grande 28º 16º

Alta

Gasolina no sul do Estado teve aumento de R$ 0,13

A variação teve a média de alta entre R$ 0,11 e R$ 0,15

A- A+

A região sul do Estado já está ajustando os preços dos combustíveis. Exemplo é o município de Dourados que teve a média da alta de R$ 0,11 a R$ 0,15 nos valores da gasolina, etanol e diesel.

De acordo com o Dourados News, o aumento da gasolina foi de R$ 0,13,o diesel sofreu uma elevação média de R$ 0,11, já no etanol foi constatado o maior aumento que ficou em torno de R$ 0,15. A alteração nos valores foi aprovada pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) e a decisão havia sido publicada no Diário Oficial da União do dia 10 de fevereiro.

Este é o segundo aumento no valor dos combustíveis nos primeiros 50 dias do novo ano. O primeiro aconteceu no início do mês e foi autorizado pelo governo federal. O mesmo já havia alterado os preços dos combustíveis em mais de R$ 0,20.

Essa nova alta se deve aos novos reajustes realizados com base na mudança do valor da pauta do ICMS de cada combustível prevista para o Estado.

 De acordo com o Sinpetro (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato Grosso do Sul), o valor praticado por litro da gasolina “tipo C” passa para R$ 3.5848 contra R$ R$ 3,1415 antes em vigor pelo Confaz. Para o óleo diesel, o preço de referência passa de R$ 2.4380 para 3.0963. Já o GLP passa de R$ 2.8718 para R$ 3.8627. Segundo o vice-presidente do Sinpetro, José Tarso Moro da Rosa, o valor da pauta do ICMS do etanol também sofreu modificação e passa de R$ 1,9712 passa para R$ 2,4729.

Os novos valores de referência colocam o Mato Grosso do Sul atrás apenas do Estado do Acre no ranking dos maiores preços estabelecidos pelo Confaz. Em São Paulo, o preço ponderado para a gasolina ficou estabelecido em R$ 3.0351 e para o diesel em R$ 2.6511.