28 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 22º

MERCADO

Vale a pena investir em um e-commerce?

Atualmente existem diversos serviços e ferramentas disponíveis para criação de uma loja virtual

A- A+

O e-commerce é um mercado em bastante crescimento, principalmente depois da pandemia de 2020. Cada vez mais as pessoas têm se interessado em fazer compras por meio de uma loja virtual, tanto pela praticidade e conveniência quanto pela melhora que o serviço tem mostrado nos últimos anos.

Atualmente existem diversos serviços e ferramentas disponíveis para criação de uma loja virtual, bem como servidores completos de hospedagem de e-commerces e empresas variadas de logística para atender a demanda da quantidade de negócios digitais que estão surgindo. Tudo isso nos faz perceber o quanto este é um negócio em constante evolução e que pode ser uma alternativa de investimento.

Pensando em todo este crescimento de popularidade do e-commerce, nós trouxemos neste post uma discussão sobre a viabilidade do investimento em uma loja virtual. Dessa forma, é possível conhecer sobre os detalhes e decidir se este é um investimento que vale a pena.

O POTENCIAL DA LOJA VIRTUAL

Quando falamos em potencial de uma loja virtual, não podemos ignorar o maior fator: a escalabilidade. Um negócio online pode atingir pessoas do país todo e também do mundo. Por este fator, uma loja online tem o potencial de receber milhões de visitas todos os dias sem nem mesmo sobrecarregar o site. 

Assim como um negócio físico, a loja que receber mais visitas também é a que tem mais chances de vender. Só que no virtual é muito mais fácil receber visitas e o sucesso nas vendas vai ficar por conta das estratégias bem planejadas de marketing digital. 

Logicamente, com todas as facilidades para a criação desse negócio e o seu potencial, muitas pessoas vão se interessar em investir em um e-commerce, fazendo com que o índice de concorrência chegue às alturas. Saiba que isso não deve ser um problema se você souber administrar o seu negócio digital da maneira correta.

Por fim, devemos reconhecer que a criação de um negócio digital é quase sempre a criação de um negócio com potencial, uma vez que reúne dois fatores importantes, que é a escalabilidade e o baixo investimento inicial. Investir em e-commerce é pegar uma ideia que já dá certo no físico e digitalizar, unindo o útil ao agradável.

NEGÓCIO DE BAIXO INVESTIMENTO 

Imagem ilustrativa

Os custos de um negócio físico podem ser muito altos comparados ao custo de um negócio digital. Ainda assim, devemos reconhecer que o e-commerce pode ter características físicas, principalmente com relação a estoque e logística. 

Mesmo com estes custos físicos, ter uma loja virtual é muito mais barato do que ter uma loja física. Quem deseja começar na área deve saber que até mesmo se você não quiser ter estoque ou se preocupar com logística, é possível ter um e-commerce pelo modelo de dropshipping. Este modelo, apesar de costumar ter uma margem de lucro menor, tem muito menos risco de perda de investimento.

Para quem está começando, existem diversas ferramentas gratuitas ou de valor muito baixo para criação de uma loja virtual. Você não vai precisar gastar muito desde os servidores de hospedagem do e-commerce até na ferramenta que procura as melhores formas de envio para o seu negócio, como o Melhor Envio.

Veja alguns custos que você não tem ao decidir abrir um e-commerce:

  • Aluguel de espaço físico
  • Equipe grande
  • Água e energia
  • Estoque (no modelo Dropshipping)

Todos estes gastos poupados, se reinvestidos em estratégias de crescimento do seu negócio, podem trazer um retorno enorme de resultados, transformando a sua economia em potencial para a criação de uma loja virtual que vende o que a sua loja física jamais conseguiria.

APRENDA A SE DESTACAR NO MERCADO DIGITAL

A estratégia para divulgar o seu e-commerce é importantíssima para que ele faça a diferença e gere renda todos os meses. Mesmo que sua loja esteja em uma grande vitrine para onde as atenções estão voltadas e que recebe gente todos os dias, a retenção e conversão em vendas pode ser muito menor. 

Por isso, é importante trabalhar muito o marketing para conseguir ter resultados expressivos e aproveitar o potencial que uma loja virtual pode ter. Abaixo vamos falar um pouco mais sobre essas estratégias e como elas contribuem para o crescimento de uma loja virtual.

UTILIZE ESTRATÉGIAS DE TRÁFEGO

O tráfego é o que vai fazer a sua loja receber visitas. Para que o seu e-commerce seja conhecido você vai precisar de uma combinação de tráfego orgânico com tráfego pago. 

O tráfego orgânico deve vir da divulgação do seu e-commerce em redes sociais ou plataformas parceiras de vendas, enquanto o tráfego pago é feito por meio da criação de campanhas publicitárias nas plataformas de anúncios.

O tráfego orgânico é feito da criação de conteúdo, que é o próximo passo nas estratégias de crescimento. Para ter sucesso no tráfego pago você vai precisar aprender mais sobre anúncios ou contratar um gestor de tráfego para criar campanhas profissionais. 

Felizmente, se você não tem dinheiro para contratar um profissional, pode começar suas campanhas com o conteúdo de aprendizado gratuito disponível online. Nesse caso, vale frisar que o conhecimento é essencial para que suas campanhas sejam efetivas e gerem resultados.