01 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 19º

Economia

Veja 5 variações do Toyota Yaris que não temos no Brasil

A- A+
source


Lançado como um modelo compacto no fim dos anos 1990, o Toyota Yaris acabou dando origem nos anos seguintes a uma série de modelos compactos diferentes, mas que compartilhavam o mesmo nome.

Nos anos 2010, além do Toyota Yaris original, projetado para o Japão e Europa, o nome foi utilizado também em uma variação do Mazda 2 e em um compacto de baixo custo, lançado inicialmente na China e Sudeste Asiático e que desde 2018 é produzido no Brasil, na fábrica de Sorocaba (SP), para atender ao mercado local e de exportação.

Confira abaixo algumas das variações do Toyota Yaris que não são comercializadas no mercado brasileiro.

1 - Toyota GR Yaris

Toyota GR Yaris: cobiçada versões esportiva da atual geração do compacto está longe do Brasil, onde custaria muito caro
Divulgação
Toyota GR Yaris: cobiçada versões esportiva da atual geração do compacto está longe do Brasil, onde custaria muito caro


O Yaris para os países desenvolvidos está atualmente em sua 4ª geração, lançada no ano passado, que marcou a estreia da variação TNGA-B da plataforma modular da Toyota.

Um dos destaques desse hatch é a versão esportiva GR Yaris, que emprega um motor 1.6 turbo de 272 cv, que é combinado a um câmbio manual de seis marchas e um sistema de tração integral.

2 - Yaris Hybrid

Toyota Yaris Hybrid: ainda não chegou ao Brasil, embora a marca tenha planos de tê-lo aqui quando for possível
Divulgação
Toyota Yaris Hybrid: ainda não chegou ao Brasil, embora a marca tenha planos de tê-lo aqui quando for possível


Além da versão esportiva GR Yaris, o Toyota Yaris de 4ª geração traz ainda uma variação com motorização híbrida, que traz um conjunto mecânico diferente do utilizado no Corolla Hybrid feito para o mercado brasileiro.

Você viu?

O conjunto propulsor do hatch híbrido é composto por um 1.5 de três cilindros a gasolina e um motor elétrico, que juntos desenvolvem a potência conjunta de 116 cv, permitindo atigir médias de consumo de mais de 26 km/l.

3 - Mazda Yaris

Toyota Yaris Sedan fabricado a partir do Mazda 2, marca japonesa que chegou a ter carros no Brasil
Divulgação
Toyota Yaris Sedan fabricado a partir do Mazda 2, marca japonesa que chegou a ter carros no Brasil


A Toyota adotou uma estratégia diferente para lançar o Yaris na América do Norte, tendo aproveitado o nome para batizar uma variação do Mazda 2 com o seu logotipo.

Nas variações hatch e sedã, o Mazda 2 com o logotipo da Toyota foi comercializado até o ano passado nos Estados Unidos. No México, onde era oferecido como uma variação mais sofisticada ao Yaris "brasileiro", o modelo também deixou de ser comercializado em 2020.

4 - Yaris chinês

GAC Toyota Yaris: feito para o mercado chinês tem estilo arrojado, embora com  aspecto simples
Divulgação
GAC Toyota Yaris: feito para o mercado chinês tem estilo arrojado, embora com aspecto simples


A GAC Toyota é uma das joint ventures que a marca japonesa tem no mercado chinês. Para diferenciar os seus produtos de outros Toyota oferecidos por sociedades concorrentes, a GAC segue a tradição de fazer algumas mudanças estéticas em seus carros.

Um desses é o Yaris, que nas variações hatch e sedã oferecidas pela GAC traz um visual diferenciado do restante do mundo. Além da dianteira e traseira exclusivas, o painel também é diferente, trazendo inclusive uma central multimídia com tela do tipo flutuante.

5 - Yaris sedã GR-S (Malásia)

Toyota Yaris Sedã GR-S: versão esportiva do sedã também não é vendida no Brasil, onde o modelo ainda terá uma discreta reestilização
Reprodução/Toyota
Toyota Yaris Sedã GR-S: versão esportiva do sedã também não é vendida no Brasil, onde o modelo ainda terá uma discreta reestilização


O Yaris não é exatamente um modelo de pretenções esportivas. Mas não é isso que pensam algumas filiais da Toyota no Sudeste Asiático.

Na Malásia, o Toyota Yaris Sedã é vendido numa versão GR-S. Conhecido como Vios por lá, o três volumes traz um pacote aerodinâmico exclusivo, além de novas rodas de 17" com acabamento na cor preta. Já o motor é o mesmo 1.5 do Yaris Sedã brasileiro, mas combinado a um câmbio automático CVT com dez marchas simuladas.

Fonte: IG CARROS