20 de outubro de 2020
Campo Grande 30º 21º

FRONTEIRA

Após pressão de comerciantes, acordo de reabertura do Paraguai inclui fronteiras com MS

Depois de anunciar que acordo de reabertura do comercio na fronteira só beneficiaria inicialmente Cidade do Leste e Foz de Iguaçu, Paraguai e Brasil voltaram atrás e incluíram Pedro Juan Caballero e Ponta Porã e também Salto del Guairá e Mundo Novo. O protocolo bilateral foi assinado virtualmente pelos dois países.

O acordo que deixaria de fora a principal fronteira com Mato Grosso do Sul foi dada pelo ministro da Saúde do Paraguai, Julio Mazzoleni na terça-feira (15). Segundo ele, a minuta do acordo “gradual, parcial e temporário” estava praticamente pronto e só valeria para a Ponte da Amizade, na fronteira com o Paraná.

Entretanto a fala do ministro paraguaio acabou repercutindo negativamente entre comerciantes de Pedro Juan Caballero, que atribuíram a declaração a uma falha na comunicação e que não aceitariam a exclusão.

“Conseguimos sobreviver até agora, mas ninguém aguenta mais. Se reabrirem a Cidade do Leste terão que fazer o mesmo aqui também ”, disse presidente da Câmara de Comércio de Pedro Juan Caballero, Victor Barreto, ressaltando que retomariam o diálogo para pedir esclarecimentos sobre as medidas.

Foi decidido que cada centro logístico deve aplicar as medidas de controle necessárias em matéria aduaneira e de imigração e, em particular, o estrito cumprimento dos protocolos de saúde estabelecidos em cada um dos países.

*Informações do site Porã News