16 de maio de 2022
Campo Grande 21º 13º

INTERIOR | NOVELA

"Aquidauana tem apenas 'um caixa eletrônico e um posto de gasolina'", diz colunista

"Bom ele pegar um carro e vir conhecer a cidade", respondeu a prefeitura

A- A+

O jornalista Flávio Ricco, famoso por fazer cobertura televisiva há décadas, disse que a cidade de Aquidauana (MS), tem "apenas um caixa eletrônico e um posto de gasolina". 

A informação está na Coluna de Ricco postada às 12h do dia 26 de janeiro no Portal R7. O jornalista preenchia o corpo do texto da matéria: "Globo movimenta toneladas de material em gravações de Pantanal no MS", quando falou sobre a cidade mais próxima da Nhecolândia, onde vem sendo filmada a novela remake Pantanal, com estreia prevista para 28 de março deste ano. 

Ricco escreveu: "Durante cinco meses, mais de 150 pessoas estiveram diretamente envolvidas nas gravações no local [Pantanal], que fica a cerca de quatro horas da cidade mais próxima, Aquidauana, que tem cerca de 50 mil habitantes, apenas um caixa eletrônico e um posto de gasolina. Ao redor, somente fazendas e natureza selvagem", disse, dimensionando a produção da novela. 

Apesar disso, não procede a informação passada pelo colunista. Aquidauana é uma cidade com universidades, bancos e postos de combustíveis. "(sic) Acho que eles estão se referindo ao distrito de Piraputanga, onde os globais passam antes de seguir pro Pantanal", comentou um leitor ao se deparar com a informação de Ricco.  

"(sic) Temos várias instituições bancárias, hospitais, restaurantes, etc. Gostaria de fazer um convite para vc realmente conhecer a nossa cidade, chamada de PORTAL DO PANTANAL e antes dela também tem o município de Anastácio, com boa estrutura de instituições bancárias, supermercado… Antes de escrever sobre um local que vc não conhece PESQUISE, ficou muito ruim o que vc disse sobre o nosso município", confirmou outra moradora.  

A prefeitura do município disse: "Bom ele pegar um carro e vir conhecer a cidade, aí ele escolhe em qual posto vai abastecer, são muitos, temos mais de 15", disse a assessoria. Sobre as lotéricas, Ricco quase acertou: "São duas para a cidade", esclareceu a prefeitura. 

Outro erro sobre Mato Grosso do Sul foi compartilhado numa reportagem da IstoÉ Gente, em entrevista com a protagonista Alanis Guillen (Juma Marruá - 1ª fase), o jornalista Eduardo F. Filho, disse que Alanis passou alguns meses "no Mato Grosso" gravando com estrelas da emissora, como Juliana Paes e Jesuíta Barbosa [...]. O erro é justamente que Alanis não gravou em Mato Grosso (estado vizinho) e sim em Mato Grosso do Sul [onde está a Nhecolândia]. A reportagem foi publicada no dia 21 de janeiro pela manhã e, apesar das críticas, o texto permanece com o erro, sem a devida correção ainda neste dia 27 de janeiro.    

Tentamos contato com a Três Editorial Ltda - responsável pela InstoÉ Gente, para saber se o erro será corrigido, a empresa, porém, não atendeu as tentativas de ligação.