23 de abril de 2021
Campo Grande 31º 19º

#LUTO

Coronel referência em MS, Adib Massad morre aos 91 anos

Além de militar, em 1996 Adib Massad foi eleito vereador em Dourados

A- A+

Referência para as forças de segurança de Mato Grosso do Sul, coronel da reserva da Polícia Militar, Adib Massad, morreu aos 91 anos, no final da tarde desta quarta-feira (3. março). Não foi comunicada a causa da morte.  

Ele ficou conhecido por comandar o antigo Grupo de Operações de Fronteira (GOF) estava com a saúde debilitada.

A Polícia Militar emitiu nota de pesar em que disse: “Os feitos realizados por esse grande líder em prol da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul são imensuráveis, com mais de 30 anos de serviços prestados, foi para reserva remunerada em 05 de maio de 1988. Tendo sido reformado em 21 de novembro de 1994”, destacou. 

A nota ainda destacou a integridade do serviço militar prestado. “Respeitado por ser um policial correto e implacável no cumprimento da lei, principalmente por ter ajudado a criar e comandado por 6 (seis) anos o antigo GOF (Grupo de Operações de Fronteira), que nos dias atuais é conhecido com DOF (Departamento de Operações de Fronteira)”, explicou. 

E em nota a PM finalizou. “O Comando da PMMS lamenta profundamente o falecimento do Coronel Adib e externa as condolências aos familiares e amigos, rogando a Deus que os conforte nesse momento de dor”. 

Além de militar, em 1996 Adib Massad foi eleito vereador com 2.830 votos, o mais votado, em Dourados.

Adib Massad deixa a esposa Constantina, com quem estava casado havia 61 anos, além de sete filhos, sendo quatro mulheres e três homens. Uma das filhas e um dos filhos eram adotivos.