24 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

BOLSONARISMO

Doze partidos dirão "sim" ao impeachment de Bolsonaro, diz pesquisa

Oito partidos se declararam contrários ao processo

A- A+

Doze dos trita e três partidos são a favor do impeachment de Jair Bolsonaro (sem partido), motsra o levantamento do Poder360.  O grupo tem 181 deputados e 25 senadores. No plenário da Câmara dos Deputados são nescessário 342 votos, para remover Bolsonaro do cargo. 

Oito partidos se declararam contrários ao processo, são eles: PTB, PSC, PROS, Patriota, PMB, PP, PRTB e DEM. Somam 100 deputados e 18 senadores. O PSC afirma ser contra porque “o Brasil está se recuperando lentamente da pandemia e tem enormes desafios pela frente”. O DEM, por sua vez, avalia que as pré-condições necessárias ainda não estão reunidas. Já o PP disse que é “base do governo”.

Há outras 5 siglas que não se posicionaram contra ou a favor. Uma delas é o PSL, partido pelo qual Bolsonaro se elegeu em 2018.

Para o PSDB, o impeachment pressupõe condições que ainda não estão postas. O partido avalia que Bolsonaro tem alguns trunfos na mão: base ativa nas ruas e nas redes e acordos eficientes com Congresso. No entanto, afirma também que o chefe do Executivo “parece forçar os limites institucionais a todo momento”.

O MDB defende que o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), precisa deliberar sobre os mais de 120 pedidos apresentados. O assunto não está na pauta do Podemos. Já o PMN diz que “se houverem as condições formais” para o processo impeachment, o partido é favorável à sanção.

Avante, PL, Republicanos, PTC e Solidariedade não responderam ao contato feito pelo Poder360.

No infográfico a seguir, veja o posicionamento de cada partido e sua representação no Congresso:

FONTE: VEJA O LEVANTAMENTO COMPLETO  NO PODER 360