02 de maro de 2021
Campo Grande 33º 21º

Esclarecimentos

Energisa diz que prestará esclarecimentos ao MPE em inquérito sobre aumentos nas contas

No início da tarde desta sexta-feira (29), a Energisa, concessionária de energia elétrica do Mato Grosso do Sul, se posicionou em nota sobre o inquérito civil do Ministério Público Estadual divulgado no Diário Oficial desta sexta-feira (29). O documento investigará aumentos nas contas de energia em Dourados.
 
Conforme publicação enviada ao Dourados News, a empresa aponta que se compromete a fornecer os esclarecimentos necessários ao órgão e cita debates sobre o assunto nos quais participou”. 
 
“A Energisa esclarece que irá prestar todos os esclarecimentos ao MPE de Dourados, o que já tem feito ao longo dos últimos meses em audiências públicas e reuniões na Assembleia Legislativa, Promotorias, Procuradoria do Estado, Câmaras Municipais e Procon”, diz. 
 
Outro ponto destacado pela concessionária é um levantamento feito pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) em Mato Grosso do Sul que certifica as cobranças, segundo a empresa. 
 
“Vale ressaltar que a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) - órgão que regula o setor elétrico - esteve em Mato Grosso do Sul neste mês e apresentou relatório de fiscalização, que assegura a conformidade da cobrança das tarifas relativas ao aumento de consumo, realizadas pela concessionária nos períodos de dezembro, janeiro e fevereiro”, frisou em nota. 
 
Conforme mostrado pelo Dourados News, durante diligências, foi percebido que as reclamações dos usuários se concentraram em locais com redes de energia antiga.
 
Segundo o documento divulgado no Diário Oficial desta manhã (29), até o dia 28/01 o Procon de Dourados havia registrado 124 reclamações por alterações inesperadas nos valores das contas de energia. 
Após debate da 10ª Promotoria com o Procon e Defensoria Pública do Estado, é apontado que o volume de reclamações se concentra em áreas com rede de energia antiga. Os investigadores acreditam que as condições da malha elétrica podem ter interferido nas cobranças.