27 de novembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Enfermeira Cida

Enfermeira Cida participa de roda de conversa com mulheres do canteiro de obras da construtora Engep

A- A+

A vereadora Enfermeira Cida Amaral (Pros) participou na manhã desta sexta-feira (08), de uma roda de conversa com as mulheres que trabalham em canteiros de obras pela empresa Engepar. A reunião com as mulheres faz parte das comemorações do Dia Internacional das Mulheres.

Os temas da roda de conversa foram diversos, porém o assunto de maior relevância, foi a questão da saúde da mulher. A enfermeira Cida falou sobre algumas doenças que acometem as mulheres, e da importância da prevenção, como por exemplo, fazer o exame preventivo de colo do útero pelo menos uma vez ao ano, deu dicas de saúde para a prevenção.

Um dos temas abordados pelas funcionárias foi sobre o preconceito da mulher na política. Cida contou um pouco de sua trajetória e falou sobre como participa da política, e como conseguiu o respeito dos homens. “Somos 54% da categoria votante, precisamos de mais representatividade na política. Na Câmara somos duas vereadoras entre 29 parlamentares. Na Assembleia Legislativa não temos uma representante feminina. Tem alguma coisa errada, será que hoje é dia de comemoração ou de reflexão. Temos esse dia pra comemorar porque mais de 100 mulheres morreram numa fábrica, porém a luta ainda é grande, temos que matar um leão e meio por dia. Até quando teremos que lutar para ter igualdade? Até quando teremos que perder mulheres pra sermos reconhecidas? Temos que analisar” disse a parlamentar.

As mulheres do canteiro de obras atuam em diversas profissões como: Mestre de obras, técnica em enfermagem, estagiária, estudante em engenharia civil, arquitetas, copeira e auxiliar de serviços gerais. Elas atuam diariamente num campo de trabalho outrora masculino, mas, que a cada dia cresce o número de mulheres dominando esse campo.

Num bate papo descontraído, as funcionárias falaram um pouco da profissão que exerce, das expectativas, da valorização, empoderamento e infelizmente sobre o preconceito que ainda sofrem, por atuarem num ambiente, que era dominado por homens.  Todas as mulheres disseram que sofreram preconceito, mas não deixaram que os ocorridos fizessem com que desistissem do sonho de atuarem onde elas querem.

No encerramento da roda de conversa, a vereadora Enfermeira Cida, fez uma dinâmica do “Nó em um barbante com uma mão só” para levar a mensagem a todas as mulheres que são fortes, capazes de conseguirem o que quer. “Fiquei muito feliz com o convite, e acredito que muito ainda tem que ser feito, ainda temos que lutar muito, mas hoje vamos celebrar as vitórias já conquistadas”, finalizou a parlamentar.