11 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

Público

Estado ganha novos defensores em novembro

Na manhã desta terça-feira (27) o Defensor Público Geral de Mato Grosso do Sul, Luciano Montalli,  concedeu entrevista sobre a posse de 35 novos defensores  ao Jornal do Rádio da Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul (FERTEL).

O defensor prevê que as nomeações aconteçam no próximo dia 3 de outubro e o atendimento à população, após posse e curso preparatório aos novos defensores, comece em 7 de novembro. O certame, que iniciou em 2014, teve três mil candidatos, cinco fases e foi homologado em maio deste ano.

“Temos um déficit muito grande, e quem sofre é o interior. A posse dos novos defensores, garantida pelo Governo do Estado, vem suprir a demanda e garante atendimento da Defensoria Pública em todas as comarcas de MS”, pontuou Montalli. Segundo o defensor, “o Governo elegeu como uma das prioridades garantir acesso ao direito de assistência jurídica integral gratuita aos mais carentes e, mesmo diante da crise econômica, possibilitou este investimento”.

Além da atuação pela via judiciária, Montalli disse também que hoje a Defensoria investe em câmaras de conciliação. Dessa maneira, segundo ele, “conseguimos evitar a judicialização de muitas demandas, garantindo solução rápida aos conflitos, desafogando o sistema”. Destacando a forte atuação da Defensoria mesmo diante de um déficit de pessoal, Luciano lembrou que “todos somos pessoas e precisamos ter nossos direitos respeitados. A Defensoria Pública existe para colaborar. Agradecemos ao governador Reinaldo Azambuja por oportunizar esses investimentos e levar justiça à população carente”.