27 de setembro de 2020
Campo Grande 39º 25º

Criminalidade

Investimentos na segurança pública levaram a redução de 15% nos índices de criminalidade em MS, dest

“De 2018 para 2019, houve redução de 15% em todos os índices de criminalidade em Mato Grosso do Sul. Isso é uma conquista do bom trabalho da segurança pública do nosso Estado, mas é uma conquista da sociedade”, disse o governador Reinaldo Azambuja durante a aula inaugural do curso de formação dos oficiais e praças aprovados nos concursos da Polícia Militar e Bombeiro Militar de Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira (05.03).

Em seu discurso de boas-vindas aos quase 800 novos militares que irão reforçar o efetivo da segurança pública em todas as regiões do Estado, o governador citou resultados obtidos com o planejamento. “Em 2015 o Estado devia quase R$ 8 bilhões, e 95% da nossa receita corrente líquida era comprometida com o pagamento da dívida. Com planejamento e medidas duras, em cinco anos diminuímos isso e melhoramos a equação fiscal do MS. Somos o 3° do país em investimento, coisa que poucos estados brasileiros têm condição de fazer hoje”, exemplificou.

Ao citar os resultados, Reinaldo reforçou o compromisso com a segurança pública do Estado. “Com 30 mil pessoas, vocês entram numa carreira que enobrece qualquer homem e mulher. Sucesso na formação. Contem conosco, contem com o Governo, estaremos sempre abertos ao diálogo, para melhorar cada vez mais a segurança do nosso Mato Grosso do Sul”.

Ao todo farão o curso de formação 50 oficiais, 541 soldados, 207 cabos para Polícia Militar e Bombeiros, totalizando 798. Vão ingressar na PM, 388 soldados, 50 oficiais e 207 cabos. Já para os Bombeiros, serão 153 soldados.

Os alunos do curso de formação foram recebidos pelo governador Reinaldo Azambuja, o secretário Eduardo Riedel, adjunto da Sejusp, coronel C. Barbosa, e os comandantes das duas instituições

Participaram da solenidade os comandantes do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul, coronel Joílson do Amaral, e da Polícia Militar de MS, coronel Waldir Ribeiro Acosta; os deputados estaduais, coronel David e Barbosinha, o adjunto da Secretaria de Justiça e Segurança Pública, coronel C. Barbosa, e o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel.

Redução na criminalidade

A redução dos indicadores da criminalidade em 15% é uma média de todos os crimes registrados em Mato Grosso do Sul para o período. Os resultados são atribuídos a atuação das forças de segurança pública e os investimentos em armas, veículos, equipamentos e treinamentos com os efetivos que totalizam R$ 135 milhões de investimentos nos últimos cinco anos, beneficiando os 79 municípios do Estado.