MS Notícias

quinta, 16 de julho de 2020

Coronavírus

Laboratórios, drogarias e farmácias são obrigadas notificar casos suspeitos e testados de Coronavíru

Por: Ana Brito05/06/2020 às 17:40
ComentarCompartilhar

A Secretária de Estado de Saúde (SES) divulgou, nesta sexta-feira (05.06), no Diário Oficial do Estado uma nova resolução sobre a obrigatoriedade dos laboratórios de análises clínicas públicos e privados, hospitais públicos e privados, drogarias e farmácias, de Mato Grosso do Sul, a notificarem compulsoriamente todos os casos suspeitos e testados para o Coronavírus.

Com isso, as empresas que realizam o exame, aprovados pela Anvisa, ficam obrigados a promover a notificação compulsória de todos os casos suspeitos para COVID-19 que tenham sido testados pelas metodologias de teste rápido (imunocromatografia), teste sorológico (enzimaimunoesaio, eletroquimioluminescência, quimioluminescência) e/ou biologia molecular.

Além disso, as notificações devem ser realizadas pelo sistema E-SUS VE (https://notifica.saude.gov.br) mediante autocadastro dos estabelecimentos.

Os resultados dos testes moleculares somente serão aceitos para as estatísticas oficiais caso se comprove a validação/habilitação do laboratório executor das análises pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul – LACEN/MS, sendo assim, os laboratórios que realizarem a testagem por biologia molecular são obrigados a enviar 01 (uma) alíquota das amostras com resultado detectável ao LACEN/MS.

 A responsabilidade pelo acompanhamento e encerramento dos casos registrados no sistema E-SUS VE é das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais.

Deixe seu Comentário

TV MS

22 de junho de 2020
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma