22 de junho de 2021
Campo Grande 28º 16º

PREFEITO DE CAMPO GRANDE

Marquinhos diz que decisão do STF que tira autonomia de municípios é "muito maléfica"

Gestor reage ao decreto do Estado que orientou medidas rígidas para contenção da Covid-19 na Capital

A- A+

"Decisão do Supremo (STF) de tirar autonomia dos municípios é muito maléfica", protestou o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) sobre as novas imposições do governo do Estado que, como são mais restritivas, se sobrepõem aos decretos municipais. (As informações são do Campo Grande News).  

O prefeito, ontem, pediu e conquistou mais dois dias para as regras entrarem em vigor, mas ainda, segundo o prefeito, o tempo para organizar a fiscalização de decreto estadual é curto. Ele argumenta que o lockdown impositivo é mais complexo que o anterior toque de recolher que vigorava no município. 

De acordo com o prefeito, o prazo de 3 dias será necessário para organizar, do contrário a prefeitura não conseguirá fiscalizar e o decreto será “para inglês ver” (famosa expressão tem como significado fingir que fez algo ou fazer mal feito).

O prefeito também voltou a defender que o lockdown no “Dia dos Namorados” causará prejuízos ‘expressivos’ ao comércio. Trad citou como exemplo os comércios de floricultura. 

Trad também voltou a defender que o quadro da pandemia em Campo Grande é estável e que os municípios do interior pressionam a rede hospitalar da Capital, que não pode ser penalizada com a interrupção abrupta das atividades econômicas.