20 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 21º

Pré-sal

Participação do pré-sal na produção nacional bate recorde em setembro

A participação do pré-sal na produção de petróleo e gás no Brasil bateu recorde em setembro. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a exploração na camada é responsável por 55,8% do total. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (5/11).

O levantamento da agência mostra também que o pré-sal produziu 1,783 milhão de barris de óleo equivalente por dia, número 3,7% maior que o registrado em agosto.

Apenas em barris de petróleo por dia, esses poços chegaram a 1,419 milhão; em metros cúbicos de gás natural, foram 58 milhões por meio de 85 poços.

Maior produção

Ainda de acordo com a ANP, o campo de Lula, na Bacia de Santos, foi o maior produtor: foram, em média, 851 mil barris de petróleo por dia e 35,5 milhões de metro cúbicos de gás natural. Os campos marítimos ficaram 95,7% da produção total de petróleo e 76,5% da de gás natural.