06 de maio de 2021
Campo Grande 25º 16º

PM

PM nega que empresa de segurança 'manda na polícia' em cidade do MS

A matéria divulgada em março deste ano acusava o chefe de uma empresa de segurança da região de realizar serviço de polícia e utilizar 'jagunços' para ameaçar a população

A- A+

No começo de março deste ano, fora divulgado que funcionários de uma empresa de segurança em Porto Murtinho estariam fazendo o serviço de polícia, como abordagens a pessoas e que “mandam na polícia da região”. A matéria acusava o chefe de empresa de segurança que, denunciado por ameaçar a uma mulher, não compareceu em audiência judicial e utilizar 'jagunços' para ameaçar a população

É de suma importância esclarecer que a Polícia Militar é um órgão de Segurança Pública Estadual, que tem como chefe supremo o Governador do Estado de Mato Grosso do Sul e que a Polícia Militar de Porto Murtinho segue somente ordens advindas da cadeia de comando desta instituição.

Há de se ressaltar a preocupação com a preservação da ordem pública, da incolumidade das pessoas e do patrimônio. Assim como nenhum fato desta natureza citado nessa reportagem chegou de maneira formal ao conhecimento do comandante da Polícia Militar de Porto Murtinho, que se coloca a disposição para sanar quaisquer dúvidas a respeito ao que fora narrado na reportagem e que não correspondem à realidade dos fatos.