02 de maro de 2021
Campo Grande 33º 21º

Canudos plásticos

Por dois votos, Câmara não aprova proibição de canudos plásticos em comércios da Capital

A Câmara dos Vereadores de Campo Grande não aprovou o projeto de lei, do vereador Veterinário Francisco (PSB), de proibir o fornecimento de canudos aos clientes dos estabelecimentos da Capital. A votação aconteceu nesta quinta-feira (6), sendo necessário 15 votos favoráveis para ser aprovada, mas 13 vereadores concordaram com o projeto.

Foram dez votos contra. Um deles foi do vereador André Salineiro, também do PSB, pois considerou a proposta sem efeito para nossa região. “Esses canudos não vão ir para o mar. Eu sou a favor do meio ambiente, mas voto contra porque acho esse projeto inócuo para Campo Grande”, afirmou Salineiro.

Rebatendo o colega departido, Veterinário Francisco destacou que somos rodeados por bacias importantes. “Nós temos duas bacias hidrográficas em Mato Grosso do Sul, ado Rio Paraguai e do Rio Paraná. Esses rios acabam levando os canudos para o mar. Precisamos preservar o meio ambiente pensando em nossos filhos e netos”, pontuou o autor da proposta.

Mesmo com a não aprovação na Capital, está tramitando na Assembleia Legislativa (AL) de Mato Grosso do Sul o projeto de lei que tem a finalidade igual, idealizado pelo deputado Pedro Kemp (PT) e apresentado em outubro de 2018. Esse projeto já foi aprovado em primeira votação, sendo necessário ir para segundo turno, com data ainda não marcada.

Outra medida, que também está tramitando na AL, apresentado pelo deputado Neno Razuk (PTB), prevê que organizações públicas e privadas, além de estabelecimentos comerciais, utilizem copos e canudos feitos com material biodegradável.  Se essas propostas serem aprovadas, Campo Grande também terá que se adequar.

A cidade pioneira na proibição do fornecimento de canudos plásticos foi o Rio de Janeiro, em julho do ano passado. Outras cidades seguiram a ideia e outras seguem em discussão, mas todas na esfera municipal. Neste link você confere todas as cidades que estão abordando esse tema.