30 de novembro de 2021
São Paulo 39º 24º

Ventos

Rajadas de ventos derrubam pelo menos três árvores na Capital

Conforme o Inmet, ventos atingiram quase 50 km/h nesta tarde

A- A+

Pelo menos três árvores caíram durante vendaval, na tarde desta segunda-feira (18), em diferentes bairros de Campo Grande. De acordo com dados da estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), rajadas de vento chegaram a 47,8 km/h por volta das 14h.

Uma das árvores caiu sobre um Fiat Uno, na Avenida Júlio de Castilho. Proprietário do veículo, José Sobrinho, 69 anos, havia acabado de sair do carro quando houve o incidente. Parte da pista ficou interditada para o trabalho dos bombeiros.

Sobrinho é aposentado e vende capas para bancos de carro na região. Ele conta que quando estava descendo do Uno, ouviu estalos da árvore. "Foi o tempo de sair do carro", disse, acrescentando que estava já oito anos com o veículo, que ficou com a parte traseira danificada. 

Outra queda aconteceu na esquina da rua 14 de Julho com a travessa Guia Lopes, na região central. Galhos caíram, romperam fios elétricos e moradores informaram que um dos fios de alta tensão encostou em um portão e soltou faísca, causando preocupação de que ele esteja eletrizado e possa causar perigo. 

Valdecir Santiago, 41 anos, tem um comércio ao lado de onde há a planta e disse ao Correio do Estado que já foram feitos vários pedidos para o corte da árvore, mas as solicitações nunca foram atendidas. 

Os próprios moradores sinalizaram a área com panos e placas e acionaram o Corpo de Bombeiros, que foi até o local.

Já na rua Dolores com a Silveira Martins, outra árvore caiu deixando a pista totalmente interditada. Neste caso, a planta não atingiu carros ou casas e bombeiros também estão no local.