24 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 21º

Estabelecimento penal de Rio Brilhante aposta em horticultura

O estabelecimento penal feminino de Rio Brilhante está investindo na horticultura como forma de reinserção social. As reeducandas cultivam hortaliças e manejam a horta. O projeto é desenvolvido com a Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e com Sindicato Rural local.

A última capacitação foi realizada no final de outubro. As 12 reeducandas receberam noções sobre plantio, viveiros, mudas, como fazer canteiros, entre outras, tudo isso através de aulas práticas.

A profissionalização das detentas é fundamental no processo de ressocialização, pois elas saem mais motivadas, e enquanto estão no estabelecimento se ocupam com algo produtivo. A ação ajuda também a reforçar a alimentação das custodiadas e servidores penitenciários.

Outra iniciativa importante é que através da horticultura, contribuições a instituições assistências por meio de doações de verduras.

Tayná Biazus