16 de maio de 2022
Campo Grande 21º 13º

ESTADUAL

Com obra de R$ 2,9 milhões, Sanesul amplia sistema de esgotamento em Amambai

A ordem de serviço foi assinada na última quinta-feira (20.jan.22)

A- A+

O Governo do Estado, por meio da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul), assinou no dia 20 de janeiro o contrato de que investirá mais de R$ 2,9 milhões nas obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário na cidade de Amambai (MS).

Com recursos próprios da Sanesul como parte do programa Avançar Cidades, o investimento totalizará R$ 2.945.800,00 em obras que vão resultar na melhoria da qualidade de vida da população do município, localizado na região da fronteira com o Paraguai.

A ordem de serviço assinada pelo diretor-presidente da empresa, Walter Carneiro Júnior, prevê a implantação de 18.890,72 metros de rede coletora de esgoto e 614 ligações domiciliares.

De acordo com a Diretoria de Engenharia e Meio Ambiente, o contrato terá doze meses, atendendo desta forma a concessão dos serviços que a Sanesul assumiu por determinação do prefeito Edinaldo Luiz de Melo Bandeira com o aval da Câmara de Vereadores.

ROTA DO SANEAMENTO

Além de garantir mais qualidade de vida à população local, os investimentos do Governo do Estado e da Sanesul contribuem efetivamente com a questão ambiental do município, que tem forte vocação na agricultura e na pecuária, sendo um dos mais importantes no contexto socioeconômico de Mato Grosso do Sul.

Esses investimentos fazem parte da ‘Rota do Saneamento’ da Sanesul, que deve dar continuidade nos próximos dias ao cronograma de entrega de obras por determinação do governador Reinaldo Azambuja e do secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

No ano passado, Walter Carneiro Júnior e os demais diretores da Sanesul — André Luis Soukef Oliveira (Administração e Finanças), Helianey Paulo da Silva (Engenharia e Meio Ambiente) e Onofre Assis de Souza (Comercial e de Operações) — percorreram 44 municípios entregando obras e anunciando novos projetos visando o desenvolvimento econômico de cada região.

Para este ano, segundo o dirigente, a Rota do Saneamento deve cumprir agenda pública em torno de 20 municípios.

O grande foco da Sanesul é atingir a meta da universalização do esgotamento sanitário em Mato Grosso do Sul, se antecipando assim ao Marco Legal do Saneamento Básico.