24 de julho de 2021
Campo Grande 33º 17º

INTERIOR

Santa Rita deve ser a primeira 100% em esgotamento sanitário em MS

"Entregamos 50%", disse governador em evento nesta terça (20.jul)

A- A+

Santa Rita do Pardo (MS) recebeu nesta terça-feira (20.jul.21) o Governador Reinaldo Azambuja para inauguração do quartel do Corpo de Bombeiros e é destaque em sistema de esgotamento sanitário.

O governador autorizou a abertura de licitação para obra do minianel rodoviário, que vai tirar do centro da cidade o tráfego de caminhões e outros veículos pesados.

— Essa unidade dos Bombeiros, que é sonho da população local, hoje está concretizada. Além disso, anunciamos o tão sonhado mini anel rodoviário. Está autorizada a licitação para a construção. Entregamos também 50% do saneamento da cidade — disse Azambuja. 

O chefe do executivo estadual disse que a outra metade de obras estão em andamento e quando for concluída fará de Santa Rita uma das primeiras cidades de MS a ter 100% de esgotamento sanitário. — Isso é saúde e qualidade de vida — destacou.

O quartel do Corpo de Bombeiros em Santa Rita do Pardo foi realizado com recursos de R$ 1,8 milhão (prefeitura + estado) - provenientes de verba indenizatória da Companhia Energética de São Paulo (Cesp). Do total investido, R$ 150 mil foram no terreno, R$ 685 mil na edificação do prédio e pouco mais de R$ 1 milhão na aquisição de duas viaturas, um caminhão ABTF (R$ 780 mil) e uma ambulância UR (R$ 263 mil). 

Bombeiros de Santa Rita. Foto: Edemir RodriguesBombeiros de Santa Rita. Foto: Edemir Rodrigues

17 militares foram destinados para trabalhar em Santa Rita do Pardo.

O secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, disse que as obras que o Governo do Estado está realizando no município mudam a realidade da população.

— Esta unidade operacional do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul representa mais segurança não só para Santa Rita do Pardo, mas para toda a região — comentou. O secretário emendou dizendo que o anel viário é uma obra importante e necessária que vai atender a todos que transitam aqui e significa mais competitividade para as empresas e, o mais importante, mais segurança à população. 

O sistema sanitário teve R$ 1,9 milhão investidos. Foram entregues a execução de 16.124 metros de rede coletora de esgoto e 671 ligações domiciliares de esgoto, que atendem 50% da cidade. Em andamento desde março deste ano, mais obras de 15,6 quilômetros de rede de coleta do esgoto doméstico, 725 novas ligações de imóveis e construção de duas estações elevatórias vão garantir a universalização do atendimento quando forem entregues.

MINIANEL RODOVIÁRIO 

O objetivo é dar um novo caminho aos tráfego intenso  de caminhões que atravessam a cidade. A rotatória será no techo da MS-040 e custará R$ 11,3 milhão destinado dos cofres do estado. 

O prefeito da cidade, Lucio Roberto Calixto da Costa, agradeceu o governador pela parceria e disse que o trabalho conjunto está melhorando a vida de Santa Rita do Pardo. "Estamos atendendo os anseios da população. Santa Rita está no rumo certo do desenvolvimento e do trabalho reconhecido", afirmou.

Também integraram a comitiva do governador em Santa Rita do Pardo o secretário Geraldo Resende (Saúde) e os deputados Gerson Claro e Amarildo Cruz.