17 de junho de 2021
Campo Grande 26º 15º

Homem pretendia matar vereador, mas após discussão acertou outro em Água Clara

A- A+

300x225-c59dc601f1d2b4726452de3704dea158O vereador Marcelo Carvoeiro (PSC) da Câmara Municipal de Água Clara – distante 198 quilômetros de Campo Grande, era o alvo de Manoel Carlos Gonçalves, 42, que matou Josivan Paixão do Nascimento, 37, na noite de ontem.

Segundo o Boletim de Ocorrência, a esposa da vítima, Josefa Maria Pereira afirmou que estava na frente do prédio da Câmara, quanto o autor do crime perguntou sobre o paradeiro do vereador Marcelo. Josefa contou que respondeu que o parlamentar estaca dentro da Casa de leis.

De acordo com Josefa, após a informação, o autor continuou do lado de fora. Em seguida, Josivan pediu ao acusado que se afastasse de sua esposa e parasse de perturba-la. Dessa forma, o autor tirou uma faca da bolsa e atingiu Josivan, que saiu correndo gritando e caiu cerca de 50 metros do local.

Josefa socorreu o marido com a ajuda da população e Josivan foi levado para o Hospital Nossa Senhora Aparecida, mas chegou morto. O autor foi detido por moradores da região. Ao notar a revolta da população diante do caso, o presidente da Casa de Leis, Alfredo Alexandrino, que é policial civil, chegou para evitar que o homem fosse linchado.

Alguns instantes depois, o vereador Marcelo ocupou a tribuna para dizer que estava se ausentando do local, já que o comandante da Polícia Militar havia o procurado dizendo que o alvo de Manoel era ele.

Dany Nascimento