26 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 21º

Incra prorroga até 30 de dezembro prazo para assentados renegociarem dívida

Foi prorrogado para 30 de dezembro o prazo para que mais de 8,2 mil assentados da reforma agrária possam aderir ao acordo que prevê o desconto do valor da dívida com o Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar). rn173804_0 Dívidas de baixo valor, feitas entre 1999 e 2010, serão perdoadas e as demais terão desconto de 80% sobre o valor total. Em Sidrolândia mais de mil assentados pode se beneficiar com a renegociação. Até a semana passada, pouco mais de 700 pessoas assinaram o acordo, o que representa apenas 8,4 % do total de devedores, por isso o Incra resolveu adiar o prazo. Para assinar o acordo, os devedores devem acessar o portal www.saladacidadania.incra.gov.br de qualquer lugar ou nas unidades do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), onde contarão com orientações. Em Mato Grosso do Sul, existem unidades do Incra em Dourados, Jardim, Corumbá, Sidrolândia e Campo Grande. Com a ação, o Incra quer garantir que todos tenham a oportunidade de quitar as dívidas. De acordo com o instituto, estão sendo negociadas a implantação de Salas da Cidadania para atender os pequenos produtores também nos prédios das prefeituras. Mais de mil assentados (exatos 1.037) beneficiados com a reforma agrária em Sidrolândia poderão quitar suas dividas com o Banco do Brasil com desconto de até 80%, além de isenção dos juros e multas. Estas regras são válidas para os financiamentos obtidos por meio do Programa Nacional de Fortalecimento de Agricultura familiar (Pronaf) entre 1999 e 2010, quem está inadimplente com uma divida (com as correções) de R$ 27,8 mil, quitará pagando R$ 2,6 mil. Região News