22 de junho de 2021
Campo Grande 28º 16º

Lixo hospitalar

Unimed de Três Lagoas é investigada por descarte irregular de lixo hospitalar

MPE vai apurar se empresa tem descartado irregularmente resíduos hospitalares

A- A+

A Unimed, empresa de planos de saúde, se tornou alvo de inquérito do MPE (Ministério Público Estadual) por conta de denúncias de possíveis irregularidades no descarte de resíduos ambientais no município de rês Lagoas, onde a empresa administra um hospital.

Conforme publicação do Diário Oficial de hoje do MPE, a Unimed pode ser responsável por causar danos ambientais no município ao descartar de forma irregular, contrariando as leis ambientais e leis de vigência sanitária, os resíduos hospitalares, ou seja, o lixo hospitalar.

O lixo hospitalar é perigoso, pois se trata  de seringas, luvas, aventais, e até mesmo restos de medicamentos usados em tratamentos, como por exemplo, o lixo radioativo.  

O inquérito nº 045/2014 será conduzido pelo promotor de justiça Antonio Carlos Garcia de Oliveira.

Heloísa Lazarini