21 de junho de 2021
Campo Grande 27º 16º

Vendedor flagrado com barras de ouro tenta subornar PRF

A- A+

Vendedor mineiro foi preso em Mato Grosso do Sul depois de flagrado com barras de ouro, sem autorização para transporte, e por tentativa de subornar policiais rodoviários federais. Segundo a polícia, o flagrante aconteceu ontem, durante barreira no quilômetro 140 da rodovia BR-262, Água Clara (MS).

O condutor de 59 anos, flagrado com barras e lâminas de ouro, no valor de R$ 314,6 mil (R$ 121 a grama), disse que havia adquirido a mercadoria num garimpo em Minas Gerais e pretendia revender a joalheiros em Campo Grande (MS).

Quando foi informado que seria conduzido à Delegacia da Polícia Federal, ele teria oferecido metade do ouro aos policiais e, por isso, também foi autuado por tentativa de suborno. Ele responderá por usurpação de bem da União e corrupção ativa.

O preso responderá pelos crimes de usurpação bem da União (Lei nº 8.176/91, art. 2º) e corrupção ativa (CP, art. 333). A apreensão foi no KM 140 da BR 262 em Água Clara.

Durante barreira no quilômetro 362 da rodovia BR 060, a PRF apreendeu também um revólver Taurus de calibre 357 com seis munições e outras seis, de calibre 38, no coldre. A arma estava no interior do veículo GM/S10, que era conduzido por um homem de 26 anos. que assumiu a propriedade da arma e alegou não possuir registro nem porte, segundo boletim da PRF.

Na BR-463, em Ponta Porã, equipe da PRF apreendeu 890 quilos de maconha localizados no interior do veículo Citroen/C4 Pallas placa de Indaiatuba/SP. O Condutor fugiu ao receber ordem de parada abandonando o veículo às margens da rodovia..

Em outra apreensão, policiais rodoviários federais, abordaram o veículo Fiat Sena de Bonito/MS conduzido por um homem de 30 anos que seguia com duas passageiras. No carro, foram encontrados 2,96 quilos de cocaína em compartimentos ocultos no veículo.

As passageiras alegaram não saber que o condutor trazia consigo droga. O condutor afirmou que pagou R$ 16 mil pela droga na Bolívia e que levaria para Bonito, onde iria revender 10 g por R$180,00. A apreensão foi no KM 600 da BR 262 em Miranda e encaminhada para Polícia Federal de Campo Grande.