18 de junho de 2021
Campo Grande 27º 15º

Atriz da Globo está na lista de clientes do HSBC Asia que sonegam fisco

Estimativa é que 6,6 mil brasileiros movimentem U$ 7 bilhões em contas do banco no exterior

A- A+

Na última semana, o mundo foi surpreendido com a divulgação da notícia de que o banco HSBC "ajudava" clientes a enviar dinheiro para exterior sem pagar os tributos referentes às operações financeiras no país de origem.

A sede do banco em Genebra na Suíça se tornou alvo de investigações e uma lista de contas bancárias vazada na imprensa mostra que mais de 100 mil clientes em todo mundo usavam as contas e os serviços do HSBC para guardar quantias volumosas de dinheiro sem pagar impostos. O período denunciado vai de 1988 até 2007. O volume financeiro movimentado ultrapassa U$ 100 bilhões. 

Entre os clientes, a lista de brasileiros é enorme e inclui artistas globais como atriz Gisele Fraga e nomes importantes do mercado financeiro. Ontem, o site GGN publicou a lista de 93 contas do HSBC da Ásia que contém as informações dos brasileiros. Segundo o ex-funcionário do banco Herve Falciani, que vazou as informações à imprensa, há pelos menos 6,6 mil contas brasileiras, que movimentam U$ 7 bilhões.

Segundo o portal de notícias,  a lista com o novo conjunto de endereços foi divulgada por um jornalista de Hong Kong, na China. No portal, o jornalista Luis Nassiff convoca internautas a realizar um mutirão de busca, junto ao 102, para encontrar os nomes dos moradores dos endereços citados. A lista concentra endereços de luxo de cidades como Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. 

As investigações sobre operações do HSBC começaram em 2008 depois de Herve ter entregue à polícia francesa os dados das contas bancárias suspeitas. Foi criado, então, o projeto SwissLeaks, que reuniu mais de 140 jornalistas em 45 países que desde então passaram a buscar informações sobre os envolvidos no caso.