14 de junho de 2021
Campo Grande 27º 13º

Torneiro mecânico morre ao testar arma artesanal feita por ele

A- A+

As investigações da morte do torneiro mecânico James Rodrigo Silva Canto, de 23 anos, apontam que ele foi atingido com um tiro acidental disparado por uma arma de fabricação caseira. Segundo a Polícia Civil, o jovem teria fabricado a arma artesanal em forma de caneta e o disparo aconteceu quando ele testava o artefato na última sexta-feira (13), em Ariquemes (RO). O irmão de 19 anos, que socorreu a vítima, teria mentido à polícia e disse que dois homens em uma motocicleta teriam cometido o crime.

 

Em uma primeira versão, o irmão contou à polícia que ambos estavam em frente ao local de trabalho de James, quando dois suspeitos chegaram, atiraram em direção ao torneiro mecânico e fugiram. A testemunha ainda alegou que não chamou a polícia no momento do crime, pois estaria prestando socorro à vítima.

 

O delegado Ricardo Rodrigues afirma que após a morte de James, o familiar confessou a verdade sobre o episódio. "Ouvimos testemunhas que confirmaram o tiro acidental. A vítima fabricou a arma, que é uma caneta com munição. Quando testava, a arma disparou e ele foi atingido no peito", explica.

 

A tornearia, onde aconteceu o acidente, deve ficar fechada até o fim da perícia. De acordo com a Polícia Civil, o irmão poderia responder por falsa comunicação de crime, mas como se retratou, não deve ser responsabilizado.