18 de junho de 2021
Campo Grande 27º 15º

ÁSIA-PACÍFICO | INTERNACIONAL

Vídeo: carro-bomba mata 55 alunas de 11 a 15 anos na saída de escola em Cabul

Cerca de 150 pessoas ficaram feridas; explosão aconteceu às 16h30 no Afeganistão

A- A+

Um carro-bomba denotado próximo a uma escola na capital afegã, Cabul, neste sábado (8. maio) matou ao menos 55 alunas de 11 a 15 anos e feriu mais de 150, disseram as autoridades. O presidente Ashraf Ghani atribuiu aos talibãs.

De acordo com a Reuters, as adolescentes saíam da escola Sayed ul Shuhada por volta das 16h30 (local) quando ocorreu a explosão. A escola é exclusiva para meninas. 

Imagens do canal de TV ToloNews mostraram cenas caóticas, com livros e mochilas escolares espalhados por uma estrada ensanguentada e moradores correndo para ajudar as vítimas.

A área é habitada por uma população majoritariamente xiita, considerados infiéis por extremistas como o Estado Islâmico e pelo próprio Talibã. Muitas das vítimas do ataque deste sábado eram alunos que voltavam para casa. — Eu vi uma mulher procurando entre os corpos enquanto chamava sua filha — declarou à AFP uma testemunha que se identificou como Reza.

— Nesse ponto, ela encontrou a mochila ensanguentada de sua filha e desmaiou.

Veja o vídeo abaixo:

/p>

Nenhum grupo assumiu a responsabilidade pelo ataque deste sábado. O porta-voz do Taliban, Zabihullah Mujahid, negou que o grupo esteja envolvido e condenou o incidente.

*Com AFP - O fotógrafo da Associated Press Rahmat Gul e o jornalista de vídeo Ahmad Seir em Cabul, Afeganistão, e Kathy Gannon em Islamabad, Paquistão, contribuíram para esta reportagem.