16 de junho de 2021
Campo Grande 27º 14º

Guichê tem, atendente não

Campo-grandense espera quase 3 horas para ser atendido no Fórum Eleitoral

A- A+

Regularizar documentos em Campo Grande está cada vez mais complicado. Essa é a conclusão dos campo-grandenses que estiveram hoje durante a tarde no Fórum Eleitoral de Campo Grande.

Depois de esperar 2h30 minutos na fila esperando para reaver o número do seu CPF (Comprovante de Pessoa Física), que havia sido cancelado, o produtos rural de 42 anos se cansou e ligou para o MS Notícias para registrar a denúncia. Segundo o produtor, dos 20 guichês que existem no local apenas dois estavam funcionando. "Havia uns 50 funcionários batendo papo a toa enquanto dois trabalhavam", disse.

?O homem conta que depois da longa espera, ele foi informado no guichê que teria de pagar uma taxa através de guia emitida no local, porém a guia deveria ser paga na Receita Federal. O mais revoltou o denunciante é que depois de voltar com guia paga ele foi obrigado a entrar novamente na fila. Ele conta que procurou funcionários do Fórum para entender o motivo da demora do atendimento, mas não foi bem atendido. No entanto, quando avisou que havia chamado a imprensa, "tudo mudou."Quando a equipe do MS Notícias chegou ao local, havia três atendentes nas mesas 4, 5 e 6.

"Tentei ligar na Ouvidoria também mas não funciona, da primeira ligação me atenderam, mas depois tive que ligar novamente e já não consegui contato. Nunca precisei, quando preciso sou muito mal atendido. Todos que estavam aqui reclamaram. O atendimento ao público aqui não funciona", desabafa.

Para a doméstica, Marina Silionato, a situação é desrespeitosa. Segundo Marina, ela esperou quase duas horas com genro para ser atendidos. "É um desrespeito, pagamos impostos para receber esse tipo de tratamento", critica. 

De acordo com a assessoria de imprensa do Fórum Eleitoral de Campo Grande, a demora no atendimento ocorre devido a uma demanda excepcional que surgiu a partir do cancelamento de CPF por parte a Receita Federal diante do não recadastramento do título de eleitor. Por isso, quem está com título irregular deve ir ao Fórum Eleitoral para regularizá-lo para ter CPF emitido novamente. Como Fórum trabalha com apenas três atendentes o atendimento é lento.

Segundo a assessoria, a administração do Fórum já foi informada do problema e está tomando providências na tentativa de solucioná-lo.