06 de maro de 2021
Campo Grande 28º 19º

'Vou alugar uma máquina'

Cansado de esperar pela Prefeitura, morador faz "galinhada" para arrecadar dinheiro e arrumar rua

Morados de um bairro da capital cansados com as promessas de melhorias nas ruas da região resolveram agir por conta própria e organizam um almoço para arrecadar dinheiro para alugar uma máquina para tentar resolver o problema de alagamento das casas.

Legenda da Foto

De acordo com o líder comunitário da região do Bota Fogo Ariovaldo Ribeiro de Oliveira faz algum tempo que a população do Bairro Jardim Morenão reclama do descaso por parte da prefeitura, em relação às enchentes que acontecem sempre que chove na região. Segundo Ariovaldo os engenheiros já foram no bairro e fizeram os trabalhos iniciais, mas não voltaram para concluir e as famílias continuam sofrendo com os alagamentos das casas.

“Os engenheiros já vieram aqui e fizeram todas as marcações, mas parece que lá dentro tem alguém que não quer colaborar com a gente, ou que não quer que o trabalho seja feito. Eu já fui várias vezes procurar ajuda e nunca tive resposta, ou seja, uma data para que a obra aconteça, e os moradores acabam sofrendo com essa demora, toda vez que chove ficamos debaixo d´água. Então dessa vez resolvi agir sozinho”.

Ainda de acordo com o líder comunitário, esse alagamento acontece porque falta drenagem e limpeza dos bueiros nas ruas, porque como a água da chuva não tem para onde ir desce de outros bairros e acaba inundando a região mais baixa como no loteamento Porto Galo e Jardim Morenão. “O problema é que não tem drenagem nas ruas, e os bueiros também não são limpos como se deve, então a água vem com muita força e acaba invadindo as casas, essa situação é constante, sempre que chove isso acontece e ninguém faz nada”.

Ariovaldo e outros moradores já foram até a prefeitura para conversar pessoalmente com o prefeito, mas no dia que seria recebido, Bernal estava em viagem. Segundo o líder comunitário a secretário ficou de marcar uma outra oportunidade para o prefeito receber os moradores, mas até o momento isso não aconteceu.

Com a ajuda de doações Ariovaldo está promovendo uma “galinhada”, que vai acontecer no dia 10 de março na hora do almoço na igreja católica Sagrado Coração de Jesus da região, o valor do almoço é de R$ 10,00 e a renda será revertida para o aluguel de uma máquina na intenção de solucionar o problema dos moradores. “Estamos recebendo doações para realizar o almoço e vamos alugar uma máquina para fazer essa drenagem e tentar pelo menos amenizar a situação dos moradores enquanto a prefeitura não resolve”.

Profissionais de Educação estão no grupo prioritário de vacinação contra a COVID-19
EDUCAÇÃO
há 13 horas

Profissionais de Educação estão no grupo prioritário de vacinação contra a COVID-19

MS recebe 168 ônibus destinados ao transporte escolar urbano e rural
GOVERNO DE MS
há 13 horas

MS recebe 168 ônibus destinados ao transporte escolar urbano e rural

Polícia do Paraguai acha Toyota Belta usado por executores de pecuarista brasileiro
ASSASSINATO
há 14 horas

Polícia do Paraguai acha Toyota Belta usado por executores de pecuarista brasileiro

Corpo de neném de 35 dias é achado em matagal; mãe e tia são presas
PEDRO JUAN CABALLERO
há 14 horas

Corpo de neném de 35 dias é achado em matagal; mãe e tia são presas

Carlos morre atingido por tiros no Jardim Colorado; corpo estava no quarto
HOMICÍDIO
há 14 horas

Carlos morre atingido por tiros no Jardim Colorado; corpo estava no quarto

Turismo em Bonito segue a todo vapor e sem possibilidade de lockdown
'COM SEGURANÇA'
há 15 horas

Turismo em Bonito segue a todo vapor e sem possibilidade de lockdown