27 de fevereiro de 2021
Campo Grande 32º 22º

Casa do Pantanal retomará atividades após assinatura de termo de cooperação

Sete editais foram apresentados hoje (21) pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) durante a realização da abertura da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, ocorrida na manhã de hoje (21) em Campo Grande. Quatro editais são da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (Fundact), e três premiações para pesquisadores na área de ciência e tecnologia, fotógrafos e jornalistas.

Durante o evento, Azambuja assinou termo de Cooperação com o Instituto de meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), Secretaria de Cultura e Tecnologia, Semad e Fundação de Cultura para regime de Cooperação para casa do Pantanal localizado no parque das Nações Indígenas. O secretario de secretário de Estado de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação de Mato Grosso do Sul, Athayde Nery também participou do ato de assinatura.

O pacto selado hoje foi o primeiro ato da Semana de Ciência e Tecnologia aberta na manhã desta quarta-feira no Centro Cultural José Octávio Guizzo.  A Casa do Pantanal foi idealizada no Estado com investimento de R$ 600 mil por parte do Programa Turismo Brasil, do Ministério do Turismo, e contou com contrapartida financeira da Fundação Manoel de Barros, que manteve o local. Por falta de recursos para iniciar ações culturais no imóvel, a entidade devolveu a Casa ao Governo do Estado em julho deste ano.

Com o acordo firmado entre as instituições, a Casa do Pantanal terá tanto a manutenção física quanto atividades culturais. O espaço também deve garantir a promoção da cultura pantaneira e ser um novo ponto de fomento ao turismo em Mato Grosso do Sul.