03 de maro de 2021
São Paulo 39º 24º

Tapa-Buraco

Convênio entre Prefeitura e Exécito será assinado até dia 11 de abril

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, anunciou na manhã desta segunda-feira (4) que a assinatura do convênio entre Prefeitura de Campo Grande e Exército Brasileiro para recuperar vias da Capital deve acontecer entre os dias 6 e 11 de abril.

Se for confirmado, convênio que gerou polêmica e foi alvo de críticas de vereadores e sindicalistas ligados ao setor da construção finalmente vai sair do papel depois de seis meses. Desde que conseguiu liberação de R$ 19 milhões da Caixa Econômica Federal para recuperação das vias Brilhante, Guia Lopes e Marechal Deodro, Bernal buscou parceria do Comando Militar do Oeste, sediado na Capital, para que o Exército execute as obras ao invés de terceirizar para empresa do setor privado.

O prefeito alega que a medida vai gerar economia para Município uma vez que custos da mão de obra do exército são inferiores ao de uma empreiteira, porém, vereadores como Alex do PT e Dr. Jamal (PR) se manifestaram contra Bernal alegando que ao substituir empreiteiras pelo Exército, o prefeito contribuirá para crescimento do desemprego no setor da construção civil.