04 de maro de 2021
Campo Grande 32º 22º

Paralisação

Escolas da Capital fecham em dia de protesto contra reforma da Previdência

Como forma de marcar o dia “D” contra a reforma da Previdência, servidores de escolas públicas de Campo Grande paralisaram suas atividades nesta sexta-feira (22). A manifestação ocorre na Praça do Rádio Clube.

Algumas unidades tiveram adesão apenas de professores, como a Escola Estadual Lúcia Martins Coelho. O quadro pessoal do administrativo da escola, segue o ritmo de trabalho normalmente.De acordo com a Federação dos Trabalhadores em educação de Mato Grosso do Sul, o movimento foi discutido em assembleia que reuniu mais de 70 sindicatos dos trabalhadores em Educação. 

Conforme a Fetems, caso haja desconto do dia parado, não haverá reposição de aulas! A expectativa da Fetems é que a adesão ao movimento ocorra em 100 por cento dos trabalhadores da Educação no Estado. A manifestação ocorre em todo o Brasil.