24 de junho de 2021
Campo Grande 31º 19º

Falta infraestrutura

Moradores do Aero Rancho sofrem com falta de asfalto e rede de esgoto

A- A+

Poeira ou lama. Isso com sol ou com chuva. Situação de maior parte das ruas no Jardim Aero Rancho 3, região sudoeste de Campo Grande.

A dona de casa, Laura Rosa Duarte, mora há cinco meses na rua Bueno, e reclama da falta de pavimentação  na rua onde mora. “É complicado. Com chuva é lama e com sol é poeira. Sem falar da sujeira na rua. Fica intransitável”, comentou Laura.

A estudante Ericka Thaynara Silva de Paula, que também mora na rua Bueno, também está insatisfeita com a rua que não tem asfalto. “Minha família tem comércio aqui. E a falta de asfalto prejudica. É prejuízo. Sem falar que prejudica nossa saúde por causa da poeira e que a rua vira um rio quando chove”, disse a estudante. Uma forma de amenizar a precariedade nas ruas sem asfalto do bairro, moradores jogam restos de entulhos nos buracos e desníveis para tentar amenizar o problema. “Aqui só ouvimos promessas de melhorias. Já procuramos a prefeitura e nada”, acrescentou Ericka.

Outra situação que deixa os moradores do Aero Rancho 3 atordoados é a falta de rede de esgoto em toda a região. A dona de casa, Valdirene dos Santos, que mora há 4 anos no bairro, conta que falta infraestrutura de qualidade no bairro. Valdirene revela que um abaixo assinado foi feito por quem mora ali e encaminhada para a prefeitura da capital, com pedidos de melhorias, mas sem respostas.

Ela aponta ainda que, um grande problema é o mau cheiro que exala das fossas, que geralmente fica na área interna das residências. “O mau cheiro é forte. Temos que mandar limpar as fossas a cada 20 dias. Se mando limpar a fossa pelo menos uma vez ao mês tenho gasto de quase mil reais”, exclamou a dona de casa que paga R$ 80 por cada vez pede a limpeza da fossa para uma empresa particular.