26 de julho de 2021
Campo Grande 34º 20º

'PEIXE GRANDE | AQUÁRIO PEQUENO'

[COM VÍDEO]: Planeta se manifesta sobre denúncia de maus-tratos à Pirarucu

Há quase uma década a loja já foi multada pela Polícia Federal (PF) por manter, sem licença ambiental, animais num tipo de mini zoológico

Leia também

• Vídeo: alvo da PF há 10 anos, loja no Centro é criticada por manter 'peixão' em aquário pequeno

Após denúncia publicada pelo MS Notícias, em 07 de junho, de que a loja Planeta Real da Avenida Afonso Pena, em Campo Grande, mantinha um peixe da espécie pirarucu com cerca de dois metros e meio em um aquário pequeno, onde só conseguia nadar em círculos, a empresa se manifestou hoje (15.jun.2021), através de nota, dizendo que o local em que o animal se encontra é adequado.

Vale lembrar que, conforme destacou a equipe de reportagem no primeiro material elaborado, há quase uma década a loja foi multada pela Polícia Federal (PF) por manter, sem licença ambiental, animais num tipo de mini zoológico. Greice Maciel, que é revisora do texto, apontou na oportunidade que, ainda que fosse pego quando filhote, o interior de uma loja na região central  "não é o ambiente natural deles".

Essa é a justificativa que a loja dá em sua resposta, dizendo que o pirarucu foi comprado ainda filhote, no Projeto Pacu, juntamente com outras espécies de peixes.

Documentos enviados pela Planeta detalham o que seria a compra feita, em 21 de novembro de 2006. Na descrição da nota fiscal emitida (no valor de R$2.710) pelo Projeto Pacu, há pelo menos sete espécies de peixes, com valores especificados que passam de três mil e duzentos reais.

Entres as espécies compradas, estão listadas: 60 unidades de Pintado (de 16 a 18 cm); 250 de Piauçu (de 5 a 7 cm); 20 Jurupensém (de 13 a 15 cm); 30 Pirarara grande; 31 Cachapira (13 a 15 cm) e 250 Curimbas (de 5 a 7 cm).

Já o pirarucu foi listado duas vezes, uma primeira que corresponderia a oito peixes grandes (30 a 35 cm), no valor unitário de pouco mais de trinta reais, que totaliza R$266,75. Além de uma segunda citação da espécie, com apenas uma unidade, no valor de R$1.807,23.

Confira a nota de esclarecimento na íntegra, recebida inclusive com erros ortográficos:

No dia 07 de junho circulou em redes sociais uma denúncia de que a loja Planeta mantém de forma inadequada o peixe Pirarucu no interior da loja.

A Planeta considera importante este esclarecimento, já que as imagens e denuncia podem gerar dúvidas sobre a legalidade e as condições de cuidados do animal na loja.

O peixe citado na denúncia é um animal criado em cativeiro e foi adquirido de forma legal quando ainda era filhote em 2006 no Projeto Pacu, empresa séria especializada na reprodução de peixes sul-americanos.

A Planeta destaca ainda que respeitando todas as exigências do IBAMA, o ambiente em que o animal vive é devidamente adequado e preparado para ele, contando com um tanque com mais de 40 mil litros de água e sistema de oxigenação.

Em 2013 a loja sofreu um incêndio onde foi toda destruída, o animal sobreviveu ao incêndio e após a reforma da loja e toda a revitalização do ambiente onde ele fica, o peixe foi recolocado ao local.

O objetivo em manter esse espaço na loja é estimular as pessoas a comtemplar e preservar a natureza. Ao longo de todos esses anos em que a loja mantém esse espaço e que o animal está sobre os cuidados da Planeta, o peixe se tornou muito querido pela equipe da loja e também pelas pessoas que vistam o espaço.

A Planeta reforça seu compromisso em seguir contribuindo com a preservação do meio ambiente e respeitando as leis de nossa sociedade.

CONFIRA O VÍDEO DO ANIMAL FEITO PELA EQUIPE DE REPORTAGEM:

Cemitério centenário encontrado na região da Piaba é reformado pela Administração de TL
Política
há 3 minutos

Cemitério centenário encontrado na região da Piaba é reformado pela Administração de TL

Prefeitura e CTG analisam plano emergencial para barreira da usina
Política
há 4 minutos

Prefeitura e CTG analisam plano emergencial para barreira da usina

PRF/MS recebe visita do secretário de Justiça e Segurança Pública do Estado
Polícia
há 34 minutos

PRF/MS recebe visita do secretário de Justiça e Segurança Pública do Estado

Obra no Joaquim Português avança e novo trecho é interditado
Política
há 34 minutos

Obra no Joaquim Português avança e novo trecho é interditado

Licenciamento de veículos placas 5 e 6 deve ser pago até o dia 30
Política
há 1 hora

Licenciamento de veículos placas 5 e 6 deve ser pago até o dia 30

SES alerta para elevação da taxa de contágio que chega a 0.87 nesta segunda-feira
Geral
há 3 horas

SES alerta para elevação da taxa de contágio que chega a 0.87 nesta segunda-feira