30 de outubro de 2020
Campo Grande 24º 18º

Romero aponta ineficiência na administração pública de cemitério da Capital

Hoje durante a sessão da Câmara de Vereadores, o vereador Eduardo Romero (PTdoB), relatou alguns detalhes sobre a votação do projeto de ampliação do cemitério Santo Amaro. Segundo o vereador, não precisa mais usar o método antigo, de que pra cada cova se ocupa de tantos metros quadrados, precisa-se de uma reivindicação e estudos sobre o caso, hoje se economiza espaço física numa tendência de verticalização do cemitério.

“Tem se mostrado uma ineficiência na administração pública em relação aos serviços, precisa-se encontrar uma solução, não somente a privatização, mas soluções ambientais, como usar mantas especificas para preservar do chorume, evitando a contaminação do lençol freático e o mal-estar estético” afirma o vereador.

Eduardo defende um planejamento mais adequado, que o precisa fazer é organizar e equilibrar esses serviços com clarezas nos editais. Romero aponta que quando se fala em iniciativa privada, alguns pensam no lado econômico e esquecem-se dos benefícios sociais.

O vereador Eduardo Romero acredita que é preciso “sim” ouvir a opinião dos moradores da região, mas que também é necessário entender, conhecer e estudar as propostas para a execução do projeto.

Junior Cordeiros