02 de maro de 2021
Campo Grande 33º 21º

HOMENAGEM

SEMU realiza exposição histórica das políticas públicas para mulheres

Na busca do resgate histórico das políticas públicas voltadas para as mulheres em Campo Grande, a Subsecretaria Municipal de Políticas para Mulher (SEMU) celebrou na tarde desta segunda-feira (25), a abertura da Exposição Eu, Tu, Elas: Protagonizando a História de Campo Grande, que visa também homenagear todas as mulheres que fizeram parte da Subsecretaria. Durante toda essa semana haverá uma extensa programação com prevê reuniões e oficinas para debater vários assuntos relacionados ao universo feminino.

Durante a abertura do evento, a vice-prefeita Adriane Lopes destacou a presença das mulheres na atual gestão. “Essa é uma tarde muito especial porque estamos honrando as mulheres que nos antecederem. Políticas publicas para mulheres é algo que devemos construir  juntas, independentemente de partido político. O prefeito Marquinhos Trad quando nos convidou para estar ao lado dele nesse período de gestão, ele oportunizou as mulheres de Campo Grande, não só como vice-prefeita, mas temos secretárias mulheres e muitas outras mulheres que fazem parte da sua gestão.”

Para a subsecretaria Carla Stephanini, a Exposição é fundamental para perceber os avanços obtidos desde a implantação da Subsecretaria, em 2005, até o momento atual. A subsecretaria ainda enfatizou a aprovação do projeto de lei elaborado pelo executivo municipal e aprovado pela Câmara, que cria o fundo da mulher para financiar as políticas públicas tanto no enfrentamento da violência e na promoção dos direitos das mulheres.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher – CMDM, Conselheira Iacita Terezinha Rodrigues de Azamor Pionti, disse estar muito feliz em fazer parte dessa história e ressaltou o trabalho das outras pessoas que já passaram pela Subsecretaria.

“Me sinto muito feliz em estar participando dessa história. Todas a gestoras que passaram por aqui deixaram sua marca e se agente está aqui é porque outras mulheres vieram antes fazendo um trabalho que nos permitiu fazer o nosso e assim a gente vai multiplicando esse trabalho na defesa nos direitos das mulheres”.

Jacqueline Hidelbrando, que já foi subsecretária da Semu, enfatizou que o trabalho da Subsecretaria não deve só passar pelo combate à violência contra a mulher, mas também por outras questões como a saúde feminina.

“Eu vejo as políticas públicas para as mulheres não só pela questão da violência doméstica, mas na saúde mesmo da mulher. Temos que cuidar também da saúde dessas mulheres já que muitas passam dificuldades na saúde pública. Vimos nosso prefeito indo até os postos de saúde levando um alento para essas mulheres, coisa que nenhum gestor fez até o momento. Essa reunião serviu para nos unir e nos mostrar que precisamos estar unidas, renovar nossas energias para lutar pelas nossas mulheres.”