06 de maro de 2021
Campo Grande 28º 19º

'Vamos pagar essa conta'

Telefone para reparos de iluminação pública está "cortado" e vereador se revolta

Durante audiência pública na manhã desta quarta-feira (2) no plenarinho da Câmara Municipal de Campo Grande o gerente de Iluminação Pública da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seintrha) Laércio Araujo justificou que a população não está sendo atendida via telefone porque o mesmo estaria cortado.

O vereador Alex do PT que é presidente da Comissão Permanente de Indústria, Comércio, Agropecuária e Turismo mostrou indignação e usou do humor, quando Laércio confirmou que existe um valor de R$ 39 milhões vindo para Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip) e segundo o gerente até o telefone disponível para população fazer suas reclamações, pedir trocas e reparos de energia estaria cortado.  

"Tem uma conta que não fecha nisso tudo, alguma coisa deve estar errada, como pode existir esse valor disponível para esse fim e o telefone de uso da população está cortado? Nós precisamos de uma luz para clarear essa informação. Vamos dar um jeito de nos reunirmos e pagar essa conta ainda hoje, porque está difícil desse jeito".

O gerente disse que em pouco tempo outro recurso estará disponível para reclamações do público, será um serviço via internet no site da prefeitura.