17 de janeiro de 2021
Campo Grande 26º 23º

CRIME

Alegando legitima defesa, assassino de Everton se apresenta a polícia

Everton teria dado uma 'voadora', e neste momento ele teria fincando a faca no abdômen do rapaz

O assassino de Everton Quebra de Oliveira, de 29 anos, morto a facadas no último domingo (22) em uma festa no Caiobá, em Campo Grande, se apresentou no fim da tarde de quarta-feira (25), na 6º Delegacia de Polícia Civil. Para a polícia, ele alegou legitima defesa.

Em depoimento, Petterson disse que não empurrou a menina e muito menos desferiu tapas no rosto dela, que apenas disse para que a adolescente desencostasse do carro dele. E neste momento momento entrou no veículo e o colocou mais próximo a esquina.

E quando tentou sair do seu veículo, acabou sendo cercado pelo grupo que fazia parte da festa, eles começaram a agredi-lo com socos e chutes, e que para se defender, pegou uma faca que estava na porta do carro e passou a desferir facadas nos autores. Petterson disse ainda disse que Everton teria dado uma ‘voadora’, e neste momento ele teria fincando a faca no abdômen do rapaz.

A faca usada no crime foi entregue para a polícia e passará por perícia. O autor foi ouvido e liberado, já que não houve flagrante. Segundo o delegado Giuliano Biaccio, várias testemunhas foram ouvidas e a polícia segue investigando o caso.