MS Notícias

segunda, 01 de junho de 2020

BARBÁRIE

Chacina na fronteira deixa seis mortos e bebê ferido

Execuções ocorreram na madrugada de hoje em Pedro Juan

Por: TERO QUEIROZ22/05/2019 às 08:07
ComentarCompartilhar
Policiais paraguaios na casa onde seis pessoas foram mortas por pistoleirosPoliciais paraguaios na casa onde seis pessoas foram mortas por pistoleirosFoto: Porã News

Segio Diosnel Cabrera Benis, de 20 anos, Alcides Ayala, de 26 anos, Pedro Valdez Sánches, de 36 anos, Liz Noelia Cabrera Benites, de 16 anos e Diego Gustavo Bullon Cabrera, de 24 anos, foram as vítimas identificadas em uma chacina que aconteceu na madrugada desta quarta-feira (22), em Pedro Juan Caballero, próximo ao Ponta Porã. 

Segundo o site, Porã News, os assassinatos ocorreram por volta das 0h30, em um lava rápido onde a maioria das vítimas trabalhavam. 

Conforme a polícia, os pistoleiros chegaram em um Jeep branco e começaram a atirar. Uma criança de oito meses que estava no colo da adolescente de 16 anos, ficou ferido. Os suspeitos usaram armas de grosso calibre, segundo a perícia um fuzil 5.56 e pistolas 9 mm foram as armas usadas na chacina. 

O sexto morto, possivelmente brasileiro, ainda não teve a identidade confirmada. Ja o bebê foi ferido de raspão e levado para o Hospital Regional de Pedro Juan Caballero. A polícia paraguaia informou que ele está fora de perigo.

Um dos chefes da Polícia Nacional no departamento (equivalente a estado) de Amambay, Silvio Cantero, disse que os investigadores ainda não identificaram se os mortos tinham ligações com grupos de traficantes instalados na fronteira.

Deixe seu Comentário

TV MS

15 de maio de 2020
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma