23 de outubro de 2020
Campo Grande 33º 22º

INTERIOR

Chefe de gabinete em Nioaque faz festa para filho durante quarentena

Havia um decreto municipal proibindo qualquer tipo de aglomeração devido ao novo coronavírus.

Agenor Barbosa, chefe de gabinete do prefeito de Nioaque (MS), a 184 quilômetros de Campo Grande, foi detido e recebeu multa no município, após realizar uma festa para o filho de 4 anos, na sede da maçonaria da cidade, na noite deste sábado (21).

De acordo com a promotora Mariana Sleiman Gomes, a promotoria recebeu uma denúncia de uma festa que estaria sendo realizada na cidade e acionou o delegado. Quando promotora e polícia chegaram no local, o chefe de gabinete estava finalizando a celebração, com alguns convidados indo embora. Ele foi abordado pelos policiais e confirmou a organização do evento. Disse, ainda, que inicialmente teria convidado 100 pessoas, mas que apenas 50 compareceram.

Segundo a promotora, havia um decreto municipal proibindo qualquer tipo de aglomeração devido ao novo coronavírus. Ainda de acordo com Sleiman Gomes, a esposa do chefe de gabinete é enfermeira e o caso chamou a atenção por serem pessoas que deveriam dar bom exemplo. A promotora afirmou que vai oferecer denúncia contra Agenor Barbosa.

Ele foi encaminhado para a delegacia onde assinou um termo circunstanciado de ocorrência (TCO), já que se trata de um crime de menor potencial ofensivo. Ele infringiu o artigo 268, ao quebrar determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa, com pena de detenção de um mês a um ano, e multa. Agenor foi ouvido e depois liberado.